A arte da vida. Apon HP


Obrigado por sua visita. Boa leitura!


Clicando na imagem, você lê uma postagem sorteada pelo sistema.



Pensata. Apon HP - Pense nisso...>

Nossos escritos mais recentes:



quinta-feira, 8 de setembro de 2011

New York



11 de setembro de 2001:
insana sanha
assanha
a obscura face humana;
“gafanhotos de fogo”
voam entre
as “montanhas de vidro”.
Jaz a razão
ante o ódio


cego e inconseqüente,
manifestando em terror
a brutalidade
de bestas (dês)humanas.
Vidas ceifadas ao nada
pela irracionalidade
de seres ditos racionais,
escrevendo história
com sangue e horror.
Divorciados de Deus
perderam o norte do amor,
Soterrados
na demência fanática;
congelam emoções,
prostituem sentimentos,
abismam o mundo.

Faça o download desse poema em MP3.

Licença Creative Commons Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original: Antonio Pereira (Apon) (Além do nome do autor, cite o link para o site http://www.aponarte.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Leia mais no Apon HP: Mensagens, poesias, artigos, crônicas, humor...

Compartilhe:

5 comentários:

  1. Uma grande tragédia de fato. Demonstra até onde pode chegar a estupidez de gente dementada pelo radicalismo fanático.

    Um abração.

    ResponderExcluir
  2. É inacreditável o que aconteceu e anos seguintes, mais e mais atentados, como em Madrid. A raça humana tem seu lado obscuro, sinistro. Ama e destrói.

    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Pois é Sissym!

    De um lado a arrogância imperialista, do outro, uma mistura desastrada e desastrosa de política mais fanatismo religioso. Um círculo vicioso de desumanidade e desamor.

    Um abração e um bom fim de semana.

    ResponderExcluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.