A arte da vida. Apon HP


Obrigado por sua visita. Boa leitura!


Clicando na imagem, você lê uma postagem sorteada pelo sistema.



Pensata. Apon HP - Pense nisso...>

Nossos escritos mais recentes:



segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Lhe caía tão bem...





... Teu corpo foi aquela roupa bacana, que lhe caía tão bem. Mas agora já não lhe veste mais. Você pode jogá-la fora ou ajudar outros a continuarem bem vestidos. O apego é egoísta, o medo é ignorante, a dúvida é vã... Informe-se, converse, pense...

Antonio Pereira Apon.


Manequim.

Deixa que teu coração se emocione,  

no peito insone, que sua doação salvou

Deixa teus pulmões se encherem do ar, de quem

Eleva ao infinito, uma prece de gratidão...

Deixa que o brilho dos teus olhos, rebrilhem em outros olhos, no redescobrir da luz.

Deixa que por teu fígado, rins... outro sangue reencontre o fluxo saudável da vida.

Deixa que a tua pele, vista a nudez de outras peles.

Deixa...


Seja qual for teu destino. Seja qual for teu caminho:  O céu, o aguardar o juízo, o nada, a reencarnação... De ti, terás apenas a ti mesmo e mais nada.


Teu corpo foi aquela roupa bacana, que lhe caía tão bem. Mas agora já não lhe veste mais. Você pode jogá-la fora ou ajudar outros a continuarem bem vestidos. O apego é egoísta, o medo é ignorante, a dúvida é vã... Informe-se, converse, pense... Não desperdice um corpo que lhe serviu tão bem. Não despreze a possibilidade de transplantar vida, doando esperança, felicidade, amor, solidariedade... Lembre. Nesse instante em que você está lendo esse texto. Alguém sofre ou morre por falta da doação de um outro alguém. No futuro, quando seu tempo aqui na terra expirar. Faça a diferença para alguns alguéns. Doe órgãos, doe vida! Comunique isso a seus familiares.


27 de setembro. Dia do doador de órgãos.




Subscreva aos destaques RSS de:
Powered by FeedBurner

Compartilhe:

8 comentários:

  1. Olá amigo Antonio,
    Linda sua mensagem de amor: doação de órgãos. Hoje, é um desconhecido que necessita. Amanhã... quem sabe? Poderemos ser nós mesmos. Uma das maiores caridades que podemos fazer e a última antes do desencarne. Vamos entrar de cabeça nesta linda campanha.
    Doar órgãos é amar, é praticar o que Jesus nos ensinou: "Amai-vos uns aos outros, como Eu Vos amo".
    Amei sua postagem. Parabéns pela escolha do tema.
    Um super beijo e ótima semana para você.
    Maria Paraguassu.

    ResponderExcluir
  2. Amigo António, é no redescobrir da luz que nos encontramos… Belo poema!Um abraço

    ResponderExcluir
  3. Olá Querido António,

    É tão importante a doação de órgãos para o nosso semelhante.
    Eu não tenho bom fígado, vesícula, pulmões, rins, não são grande coisa, não.
    O que presta mesmo, o que eu poderei doar é o meu coração.
    Não se ria, estou falando sério.
    Agradeço a sua visita e comentário. Apareça, sempre, para debater ideias e sorrirmos.

    Beijos carinhosos de luz e da Luz.

    ResponderExcluir
  4. António,

    Sou eu, a Luz,

    Adoro essa música de fundo e a sua voz doce e melódica.

    Beijos da Luz.

    ResponderExcluir
  5. "O apego é egoísta e o medo é ignorante".Quanta verdade nesta frase.Informação, realmente é o caminho.Parabéns pelo Post e pela importância do assunto.Tenha uma semana iluminada e feliz.Forte abraço Eloah

    ResponderExcluir
  6. Olá Maria!

    Precisamos aprender a nos colocar no lugar dos outros. Parar de inventar desculpas para o nosso egoísmo. Como você bem colocou: “Hoje, é um desconhecido que necessita. Amanhã... quem sabe? Poderemos ser nós mesmos”. É uma questão de escolha: Apodrecer no sepulcro ou salvar vidas.

    Como disse Jesus: “Fazer ao próximo aquilo que queremos que façam por nós”

    Um abração.

    ResponderExcluir
  7. Olá Luz!

    Transplante é questão de vida que a falta de doador pode transformar em morte. Eu sou doador de tudo o que preste. Quando eu desencarnar, não vou nem no meu velório. Vou correr pro infinito e cuidar do futuro... Kkkk...

    Quanto à música “Concerto pour une voix Saint preux”, também adoro. Ela me leva de volta à adolescência no Laborarte (Laboratório de artes do Colégio Estadual Duque de Caxias), foi a melhor época da minha vida. Foi o meu encontro com as artes com o incentivo da minha muito querida e saudosa Professora Neyde Aquino. Esse tempo me marcou tanto, que voltei como professor e terminei diretor desse Colégio. Se eu tivesse que escolher um tema musical para aqueles dias. Certamente seria esse.

    Um abração querida amiga.

    ResponderExcluir
  8. Olá Eloah!

    O amor precisa prevalecer. Doar é desmentir o medo e a ignorância.

    Um abração.

    ResponderExcluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.