A arte da vida. Apon HP


Obrigado por sua visita. Boa leitura!


Clicando na imagem, você lê uma postagem sorteada pelo sistema.



Pensata. Apon HP - Pense nisso...>

Nossos escritos mais recentes:



quarta-feira, 19 de setembro de 2012

A caverna dos vaga-lumes





...deve iluminar a todos, não tem donos e liberta das trevas da ignorância. Lutar pela educação, é construir uma sociedade com mentes e corações iluminados e libertos...


Caverna iluminada por um raio de luz.


Havia uma caverna escura, isolada do mundo exterior, onde Seus habitantes pensavam serem os únicos seres da criação. Pela singularidade de produzirem luz, os vaga-lumes assumiram o poder. Governantes, sacerdotes, legisladores, juristas... A "iluminada" e incontestável elite dominante daquela sociedade usava e abusava dos outros, que não possuíam luz própria.


Certo dia, uma insólita goteira quebrou a pasmaceira e gerou preocupação na comunidade. As mais mirabolantes hipóteses foram levantadas. Um pirilampo com um jeitão misto de Einstein com LadY Gaga foi incumbido de estudar o fenômeno. Após muita pesquisa, o estudioso chegou a uma conclusão que contrariou os governantes. Por defender a tese de que havia um mundo externo e luz além da dos vaga-lumes. O infeliz foi condenado à morte, por heresia, subversão é mentira.


Um grupo de formigas, sabendo do ocorrido, secretamente prosseguiu no trabalho do pirilampo. Saindo da caverna por uma parte seca da fenda, por onde pingava aquela pocinha deixada pela chuva, encontraram outras formigas e com elas, pensaram uma forma de desmascarar os tiranos e iluminar a todos. Cavaram inúmeros canais em torno da rachadura, de forma que a água da próxima chuva pudesse infiltrar-se numa quantidade que abrisse um buraco para a luz entrar.


Dois dias depois, um raio de sol invadiu o ambiente, dissipando as sombras...


O conhecimento é a luz que deve iluminar a todos, não tem donos e liberta das trevas da ignorância. Lutar pela educação, é construir uma sociedade com mentes e corações iluminados e libertos. Não ligue para os vaga-lumes, sejamos cada um de nós, uma gota, uma pocinha, uma "formiguinha" do ensino.



(Postado aqui em outubro de 2010).


Gostou desse texto?
Então vai gostar do nosso livro: Um dedo de prosa e poesia. A arte da vida.
Clique abaixo na capa para saber mais e adquirir seu exemplar.


São 125 páginas com 89 títulos em verso e prosa de Literatura Nacional, num livro prefaciado pelo professor, escritor, poeta e trovador Orlando Carvalho. Crônicas, mensagens, poesias... amor, humor, reflexão, arte, cotidiano, atualidades, auto-ajuda, espiritualidade...
Compre aqui!



Foto do autor: Antonio Pereira (Apon).


Nosso conteúdo é de direito reservado. Sua reprodução pode ser permitida, desde que
seja dado crédito ao autor original: Antonio Pereira (Apon). E inclua o link para o site: WWW.aponarte.com.br
É expressamente proibido o uso comercial e qualquer alteração, sem nossa prévia autorização.
Plágio é crime previsto no artigo 184 do Código Penal.
- Lei n° 9.610-98 sobre os Direitos Autorais
.



Fale conosco.

Compartilhe:

10 comentários:

  1. Cada um pode ser um componente como um feixe de luz...uma pena, algumas pessoas ainda perdidas, ficam presas na escuridão.

    beijos

    ResponderExcluir
  2. Pois é Sissym!

    A ignorância é a maior escuridão. Manieta as mentes. Talvez(?) por isso, os poderosos descuidem tanto da educação do nosso povo.

    Um abração.

    ResponderExcluir
  3. A luz, de uma sociedade, passa pela Educação e pelo pensamento livre.
    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Muito bom!! Iluminando sempre....sso faz a vida seguir!

    ResponderExcluir
  5. Bom dia querido António.

    De novo, aqui, contigo.
    Li teu texto, e, como sempre pões nele o teu toque pessoal.
    És ainda jovem e já encerras em ti tanta sabedoria!
    Formiguinha é bichinho inteligente, preocupado e cuidadoso.
    A luz, sempre chega um dia.
    Que venha breve, para melhorar e modificar as pessos, o mundo.
    Gosto muito do seu jeito de ser, e da sua voz, sabia?

    Hiper beijos de luz.

    ResponderExcluir
  6. Bom alvorecer !
    Depois que o bicho(vírus) se instalou no meu blog,me fechei e só hj que estou abrindo com uma postagem linda e emocionante.
    Te convido a ir lá,depois passarei por aqui para fazer meu comentário...Tenha um dia fenomenal e de muita luz...
    Grata pela amizade...Particularmente estava com saudades de viajar nesse universo,junto com vcs...por amar demais(sonhadora)todos.
    Bjs para aquecer teu dia!

    ResponderExcluir
  7. Bom dia amigos!

    Iluminar mentes e corações é o grande papel da educação. Toldam essa luz os parasitas do poder que se nutrem da ignorância popular, oferecendo uma (des)educação pública trevosa.

    Um abração e muita luz.

    ResponderExcluir
  8. Olá Luz!

    Jovem? Eu? Brigadoooo!!!

    Um abração e um luminoso dia.

    ResponderExcluir
  9. Olá querido amigo !!!

    Belo texto, como sempre nos traz uma ótima e importante reflexão !
    É bem comum em nós esta mania de achar que porque temos algo que nos diferencia, que somos superiores a outras pessoas e acabamos nos deixando dominar pelo ego, ao invés de tentar contribuir para o bem comum, afinal, se fizermos isso, aquela qualidade tão ovacionada, pode não ser mais motivo de tanto espanto e orgulho, mas se estivermos em paz interna e com vontade de contribuir para um mundo melhor, aí sim conseguimos fazer bem a nossa parte compartilhando e procurando conhecimento para todos !

    Um abração e bom restinho de semana !!

    ResponderExcluir
  10. Olá querida amiga Samanta!

    A real superioridade ou inferioridade, não está num cargo, na posição social ou no ter. Está na essência que anima nossas ações. Tirania, arrogância, prepotência... Denunciam almas apequenadas de caráter tísico. Altruísmo, solidariedade, compromisso... Revelam espíritos elevados.

    Um abração.

    ResponderExcluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.