Onde está a esperança



No futuro que hoje construímos (ou ajudamos a desconstruir), encontraremos a esperança realizada. Ou não.


Antonio Pereira Apon.


Homem, porta, paisagem artificial. Composição de Antonio Pereira Apon.


No real cuidar da infância,

na justa justiça,

no educar a ignorância.

No lucro sem usura,

na política sem dolo,

no estímulo à cultura.

No respeito à diversidade,

no voto consciente,

na arte de qualidade.

na lei feita para “pegar”,

na fé que não cega,

na escola a educar.

No fim da especulação,

na busca pela paz,

no compromisso cidadão.

No ecológico sem artifícios,

na renda bem compartida,

no progresso sem malefícios.

...

A esperança está no amanhã;

que hoje se faz...

Ou se desfaz!


Subscreva aos destaques RSS de:
Powered by FeedBurner

Comentários

  1. Oi, Apon. Quando a esperança se desfaz, penso que grande parte do que somos se vai...é preciso buscar meios para alimentá-la. Um abraço!

    ResponderExcluir
  2. Olá, Antônio!

    Tudo bem?

    Sem dúvida alguma, que seu poema, nos indica os caminhos para encontrarmos a esperança.

    Ela se constrói, diariamente. Assim, teremos um futuro mais promissor.

    BFS.
    Abraço da Luz.

    ResponderExcluir
  3. Olá, querido, bom dia.
    A nossa esperança, continua sempre, á termos sempre espranças.
    Desejo-te, um dia de domingo agradável.
    Abraços.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado por ler e comentar nosso texto. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.

+ lidas nesses 30 dias

Apedra. Poema de Antonio Pereira (Apon). O distraído nela tropeçou...

Aprendizado. Reflexões de aniversário

A gente (Paródia de: A casa - Vinicius de Moraes)

Precisa de tinta para escanear?

Tempo sem pressa, sem preço

Meu partido é o Brasil. E o seu?