A arte da vida. Apon HP


Obrigado por sua visita. Boa leitura!


Clicando na imagem, você lê uma postagem sorteada pelo sistema.



Pensata. Apon HP - Pense nisso...>

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Tempo, temporão, temporal





...fragmento congelado no porta-retratos, instantes capturados na película. Rupestre e futurista, analógico e digital. Eros versus Thanatos, barro, silício e grafeno...


Relógios de Salvador Dali.


O tempo é a porta, a ponte, a janela,

o porto, o barco, é o mar.

É lugar algum e algum lugar.

Contem, está contido;

é o agora que já foi, o amanhã que logo vai.

É o fio, o tear e o linho,

a parreira, a uva e o vinho.

O grão, a moenda e o pão,

fragmento congelado no porta-retratos,

instantes capturados na película,

ninhos, pássaros, amplidão.

É a lagarta, o casulo, a borboleta,

O pingo, a garoa e a tormenta.

É a agulha, a linha e o bordado;

o natural, o desnaturado...

Rupestre e futurista,

analógico e digital,

profundo e superficial;

barro, silício e grafeno,

atávico, quântico,

pragmático e romântico.

Um Eros versus Thanatos;

Koré, Persephone e Hades.

Plantar e colher,

sorrir e chorar,

flor, abelha e mel,

semente, chão, vergel.

Tempo! Tempo? Tempo...


Subscreva aos destaques RSS de:
Powered by FeedBurner



Foto do autor: Antonio Pereira (Apon).


Nosso conteúdo é de direito reservado. Sua reprodução pode ser permitida, desde que
seja dado crédito ao autor original: Antonio Pereira (Apon). E inclua o link para o site: WWW.aponarte.com.br
É expressamente proibido o uso comercial e qualquer alteração, sem nossa prévia autorização.
Plágio é crime previsto no artigo 184 do Código Penal.
- Lei n° 9.610-98 sobre os Direitos Autorais
.



Fale conosco.

Compartilhe:

2 comentários:

  1. Meu amigo

    Um GRANDE poema...talvez o tempo por vezes se esqueça de ser tempo e passe quase sem dar por ele.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  2. Oi Antonio,
    Ah, tempo! Ansia do existir!
    Linda poesia!
    Tenha um ótimo fim de semana!
    Beijos!

    ResponderExcluir

Obrigado por ler e comentar nosso texto. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.