A arte da vida. Apon HP


Obrigado por sua visita. Boa leitura!


Clicando na imagem, você lê uma postagem sorteada pelo sistema.



Pensata. Apon HP - Pense nisso...>

Nossos escritos mais recentes:



sexta-feira, 12 de maio de 2017

Acróstico da maternidade





Um poema dedicado ao maternal surgir da vida, à mulher no dia comemorativo a todo dia das mães. O poema do viver inspirado por Deus.


Antonio Pereira Apon.



Bebê no colo da mãe.


Mãe, mother, mater;

amor que gesta,

ternura que a vida empresta,

em outra vida gerar;

reluzente, reluz gente,

natural dar de si,

iluminado se dar;

de Deus é mensageira,

artífice do viver,

dedicada, delicada,

esplendorosa mulher.


Superior mandato,

outorgar o viver,

parceria bendita;

realizar,

originar outro ser.


Deus manifesto,

iluminado presente,

vida nascente,

inspirado instante,

natividade,

ode do criador.



Postado aqui em 02 de maio de 2014.


Subscreva aos destaques RSS de:
Powered by FeedBurner

Compartilhe:

5 comentários:

  1. Antonio, lindo seu espaço, visual maravilhoso, o acróstico dedicado às mães é divino, lindo, sua sensibilidade é singular, sempre que aqui venho saio com uma ótima energia, trago a minha e levo a sua, uma troca, pois creia, também sou de energias positivas!
    Amei ler, abraços apertados meu amigo sempre muito querido!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado. A vida deve ser a construção dessa reciprocidade, dessa troca de positividades.

      Um abração e um bom fim de semana.

      Excluir
  2. Oi Antonio!
    Falar de "Mãe" é tão sublime!
    Puro encantamento!
    Tenha um fim de semana muito feliz!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sublime a vida que emana delas. Mães, esses seres especiais.

      Um abração e um bom fim de semana.

      Excluir
  3. Querido amigo, Antonio!
    Beleza para ler sempre!
    Poesia inspirada no puro amor!
    Beijo carinhoso!

    ResponderExcluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.