A arte da vida. Apon HP


Obrigado por sua visita. Boa leitura!


Clicando na imagem, você lê uma postagem sorteada pelo sistema.



Pensata. Apon HP - Pense nisso...>

Nossos escritos mais recentes:


quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Gente. Usos e abusos fazendo a diferença





... Tecnologia farta! Mas, humanidade faz falta. O capital que tudo pode, só pra “quem pode”, o socorrer. Computadores em elevada potência, smartphones com tudo de...


Planeta Terra.


Modernidade.

Moderna idade,

que nos assalta em convulsa pressa.

Novos artefatos,

Novíssimas máquinas.

Velha humanidade,

antigos usos,

ancestrais abusos.

Para a vida ou morte a opção atômica;

câmeras que tudo veem, homens que nada enxergam,

telas de alta resolução, gente de baixa educação,

mundo conectado, corações desconexos.

A mercê do azar ou da sorte, saúde de morrer:

Tratamento de vanguarda, acessibilidade pra se ver,

remédio de ponta, pra dispor...

Tecnologia farta!

Mas, humanidade faz falta.

O capital que tudo pode,

só pra “quem pode”, o socorrer.

Computadores em elevada potência,

smartphones com tudo de tudo;

pessoas em transbordante carência,

vontades tacanhas em modernoso mundo.

Assistir a fome em Full HD,

em banda larga a guerra, jogo sujo do poder;

via satélite outra chacina,

tanto clique que desensina,

merecendo um botão de não curtir.

Gente.

Seus usos e abusos,

vai fazendo a diferença,

a indiferença...

Vai parindo todo bem e todo mal.



Foto do autor: Antonio Pereira (Apon).


Nosso conteúdo é de direito reservado. Sua reprodução pode ser permitida, desde que
seja dado crédito ao autor original: Antonio Pereira (Apon). E inclua o link para o site: WWW.aponarte.com.br
É expressamente proibido o uso comercial e qualquer alteração, sem nossa prévia autorização.
Plágio é crime previsto no artigo 184 do Código Penal.
- Lei n° 9.610-98 sobre os Direitos Autorais
.



Fale conosco.


Subscreva aos destaques RSS de:
Powered by FeedBurner

Compartilhe:

2 comentários:

  1. O "modus vivendi" da humanidade em "autismo social" dentro das próprias famílias gera todo esse conflito onde se valoriza mais o ter, o poder que o ser e o estar junto!
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Modernidade verdadeira não é feita de coisas e artifícios. É coisa de gente renovada e renovadora.

      Um abração.

      Excluir

Obrigado por ler e comentar nosso texto. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.