A arte da vida. Apon HP

Obrigado por sua visita. Boa leitura!

Clicando na imagem, você lê uma postagem sorteada pelo sistema.

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Ponte ou muro?



... Pontes ligam, unem, aproximam, facilitam… Pontes são caminhos, muros obstam o caminhar. Pontes, são. Muros, estão...


Antonio Pereira Apon.


A ponte japonesa (Water lily pond) - Claude Monet.


Há quem prefira levantar muros a construir pontes: Os egoístas e egocêntricos, vaidosos e orgulhosos, prepotentes e presunçosos, arrogantes, incapazes, fúteis, débeis e outros tantos desequilibrados; Os preconceituosos e racistas, os misóginos e homofóbicos, intolerantes e “puristas”, machistas, xenófobos, terroristas, fundamentalistas, fascistas, nazistas e tantos outros sociopatas que vagam, ruminando suas problemáticas por aí.


Mas, também tem gente inteligente e capaz, que bem resolvida, prefere levantar pontes e derrubar muros. Muros separam, limitam, isolam, afastam, segregam, dividem, dificultam… Pontes ligam, unem, aproximam, facilitam… Pontes são caminhos, muros obstam o caminhar. Pontes, são. Muros, estão.


Na engenharia existencial, na arquitetura comportamental, na empreitada consciencial de cada um. Ponte ou muro, sinaliza, salienta o avanço ou atraso, a grandeza ou pequenez de cada alma, de cada mente em sua ação ou reação ante a vida.


E então? O que estamos construindo? O que queremos construir?


A ponte nova (Le pont neuf) - Claude Monet.


Subscreva aos destaques RSS de:
Powered by FeedBurner

Compartilhe:

7 comentários:

  1. Muito bem colocado, Apon.
    Há mais de 15 anos eu venho dizendo isso em minhas palestras, é preciso, como jesus, construir pontes e unir.
    Tem uma música que canto, do cd de mesmo nome, intitulada "Quero ser ponte", que tem inclusive a participação do meu pai, desencarnado há 3 anos.
    Já ouviu? https://www.youtube.com/watch?v=eqW001EADx8&list=PLJ6K_FXDoPzV8xlcO6Og24s97_P1IyzY7&index=12
    Abração, amigo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Ser ponte, eis a chave do mistério", Muito bom. Ser ponte é ser caminho, é desfazer distâncias e somar no lugar de subtrair. Parabéns pela música e obrigado por sua visita e comentário.

      Um abraço.

      Excluir
  2. Olá, "minino"!

    Pontes e muros são necessários, mas cada qual tem sua função.
    Muros estão e pontes também estão, e que eu saiba ainda não há pontes movíveis, com rodinhas (rs).

    Teu texto, talvez, esteja relacionado com o muro que Donald Trump pretende construir, mas, vamos imaginar, que "eu" e "tu" somos vizinhos e eu, abusadamente, e já repreendida "n" vezes por ti pra não saltar para o teu quintal, porque há coisas boas lá de que eu preciso e que o meu quintal não tem, então tu és forçado a construir um muro. Além do mais, eu até tenho uns "conhecidos", que traficam coisas ilegais, eles próprios são ilegais, também, e portanto eles passam por/para o teu quintal também, "coisa" que dá um "jeitão". E não há de que, porque já houve muita conversa, antes, e a "barraca continuou abanando", e mais, se sou eu que preciso do que tu tens lá no quintal, e que já te pagava antes, então agora, e para ver se a "coisa" diminui, tu vais me pedir mais uma dúzia de tostões por aquilo que eu preciso e que servirá para pagar o tal muro que tu foste obrigado a construir por minha causa, por minhas atitudes e por pessoas, que agem como eu.

    Gostei das duas pinturas de Monet, embora a 1ª me pareça mais vistosa.

    Abracinho e bom final de semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aqui, os muros e as pontes são simbólicos, uma metáfora sobre as relações humanas, onde é preferível pontes no lugar de muros.Trazendo para o campo material, é inquestionável que muros e pontes, quando bem aplicados tem a sua importância e utilidade. Subliminarmente, está implícito nesse texto o muro desse aloprado do Trump. Como medida administrativa preventiva, doméstica, seria compreensível e plenamente aceitável. Mas, como projeto de governo e forma de política externa da maior potência do mundo? É uma imbecilidade de uma mente tacanha pronta a arriscar não só os EUA, mas o mundo com suas tantas insanidades. Vade retro!!!

      Deus salve a América! E proteja a Terra.

      Um abraço e bom fim de semana.

      Excluir
  3. Muito bem. Lindo e bem escrito seu texto, Sr. Professor!
    As medidas que Trump está tentando pôr em prática (os tribunais não deixam, pois os poderes estão separados, como é "normal" e acima do judicial não existe outro) foram por ele anunciados em campanha eleitoral e não me venham dizer que as pessoas se enganaram, que não pensaram nas consequências, etc. e tal, porque ninguém votou, por engano, creio.

    É preciso arriscar para mudar. A América, a cultura americana é bizarra, toda "evangélica" e nunca me inspirou simpatia, nem antes, nem depois, mas enfim, cada nação tem suas características, usos e costumes, que devemos respeitar.

    QUE DEUS AJUDE E SALVE O MUNDO INTEIRO!

    ResponderExcluir

Obrigado por ler e comentar nosso texto. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.