Devagar devagarinho - A arte da vida. Apon HP

Bom estar com você aqui no A ARTE DA VIDA. APON HP!


Dê um toque. Leia um escrito especialmente sorteado para você. Clique na figura abaixo.
Clique aqui, para ler um texto aleatoriamente selecionado pelo sistema.

Devagar devagarinho

Publicado em quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

Não podemos negar, que há um certo avanço no transplante de órgãos na Bahia. Mas, observando o quanto falta fazer... Quando a unidade de medula do Hospital das clínicas começará a funcionar plenamente? Quando teremos captações em número minimamente aceitável? Está descartada a possibilidade de faltar algum medicamento indispensável aos transplantados? Todas as câmaras técnicas estão implantadas e em funcionamento? Temos esclarecido suficientemente e adequadamente a população? As comissões de notificação estão efetivamente funcionando nos hospitais?...? ...?

 

Refletindo sobre tudo isso, lembramos daquele sambinha do Martinho da Vila: “é devagar, é devagar, é devagar, é devagar é devagar devagarinho...”.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.





Rosa da amizade/Afeto enviada pela CÉU.


Rosa da amizade/Afeto enviada pela CÉU.


Troféu rosa da amizade/Afeto.


Rosa da amizade/Afeto do Poetizando e encantando da Professora Lourdes..



Follow
View My Stats

DMCA.com Protection Status


@INSTAGRAM