Tela da vida - Apon na arte da vida

Bom estar com você aqui no APON NA ARTE DA VIDA!



Leitura sorteada - Nossos vídeos

Postagem em destaque

Por onde anda você?

Você, que vaga em meus sonhos, qual a brisa de outrora; acordando sentidos, acarinhando sentimentos; exumando lembranças, memórias ...

Tela da vida

Publicado em segunda-feira, 31 de agosto de 2020


Redemoinho com as cores do arco-íris. #PraCegoVer

A vida tem as cores que lhe damos:

Quem sonha, dá cor de sonho à vida, quem não sonha, não tem cor à vida dar. Ela é uma tela a ser pintada, cada um, Pinta o que trás no coração:

Uns são acromáticos, vivem a pintar um retrato em preto e branco de suas desilusões, dores e desventuras;

Outros são monocromáticos, tentam pintar a vida de acordo com seus conceitos e preconceitos, sob a inspiração do orgulho e da vaidade. Tentam impor sua forma de ver as coisas.

Por fim, temos as pessoas policromáticas, que capazes de ir além da província do eu, pintam a vida como ela é: multiforme, multicolorida; fruto das experiências, dos erros e acertos, Idas e vindas, sorrisos e lágrimas.

Os policromáticos, passam por momentos de monocromia e acromia, mas não fazem desses instantes âncoras emocionais para tardarem sua jornada.

A tela da vida é dinâmica, mutável, moldável. Permite releituras, retoques, reconstruções, recriações... O destino não é uma obra estanque, fechada e acabada.

Você já parou para pensar e sentir o que tem feito da tela de sua vida?

Que tipo de pessoa é você?

Que cores tipificam seu existir?

Se sonha, ou se deixou o sonho se perder no caminho?

Olhe a tela da sua vida...


Postado aqui em 18 de agosto de 2007.

Antonio Pereira Apon.

Siga-nos

Dê uma espiadinha em nossas postagens mais recentes:



4 comentários:

  1. ... tenho a pretensão de um "arco-íris"... colorindo minha vida, meus sonhos, alegrias, encantamentos, e por que não ... algumas tristezas, óbvio, mas nunca me entrego... ilumino-me no Senhor e retorno! Abraço da Célia.

    ResponderExcluir
  2. Adoro olhar a tela da minha vida...mas ela se transforma...então, estou a pensar em qual me encaixo, risos!!
    Lindo seu texto!!

    P.S: Antônio, acabei de criar um selinho para os escritores amigos, que são destaques no Blog Luz, como não tenho seu email...coloquei o seu selinho + código, no fim do poster dedicado a você.

    Aqui:http://muitaluz2011.blogspot.com/2012/01/sou-mais-voce.html

    Só traga o selinho se quiser, ok?!

    Obrigada querido!!
    Tenha um Lindo Fim de Semana!!

    ResponderExcluir
  3. Antonio Querido!

    Pintamos a vida com a cor que "enxergamos", já que os olhos são o retrato da alma!
    Eu, confesso, esforço-me em "colorir" ao máximo "minha tela"!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Lindo texto, me animou mais ainda, tenho um livro com o título "O Arco Iris", está lá no blog, é mais para adolescentes e crianças, pois eu vejo todas as lindas cores da vida, as escuras e neutras eu as uso para refletir e repensar, pois tudo tem mesmo seu encanto e sua beleza!Até as tempestades são lindas, com forças descomunais que nos faz reagir!!!
    Abraços amigo poeta.
    Ivone

    ResponderExcluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.

@INSTAGRAM