Vida confusa, contusa... - Apon na arte da vida

Bom estar com você aqui no APON NA ARTE DA VIDA!



Leitura sorteada - Nossos vídeos

Postagem em destaque

Por onde anda você?

Você, que vaga em meus sonhos, qual a brisa de outrora; acordando sentidos, acarinhando sentimentos; exumando lembranças, memórias ...

Vida confusa, contusa...

Publicado em sexta-feira, 13 de dezembro de 2019



... nas retinas, irretidão. Aqui e ali, dá-se um jeito no sem jeito, um ajeito sem noção...




#PraCegoVer: O Grito, de Edvard Munch.

Dias confusos,
tempos contusos;
confundidos gestos,
contundidas emoções.
O giro insano dos ponteiros,
na rotina os cativeiros,
nas retinas, irretidão.
Aqui e ali,
dá-se um jeito no sem jeito,
um ajeito sem noção.
E a vida sobrevive,
finge, delirando viver;
confundida,
contundida.

4 comentários:

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.

@INSTAGRAM