Saudade gravada na retina da lembrança              

em domingo, 30 de janeiro de 2011



... Estufa de efeito mortal, radioativo ataúde da civilização. Da poesia das flores, nem mais saudade...


Antonio Pereira Apon.


Mundo preso na cidade. Composição de Antonio Pereira Apon.


As flores corporificam a poesia da criação. As estamos sufocando. Se não cuidarmos, logo só as encontraremos numa pálida saudade, gravada na "retina" de nossas lembranças. Estamos extinguindo paisagens, "semeando" o concreto do inconcreto progresso. Mas progresso que mata é retrocesso! É a vertigem da grana, a falta de senso, insustentável delírio de quem destrói o próprio habitat.


No futuro a colheita: Um mundo cheio de sede e carente de água, com fome abundante e sem ar para viver. Flatos da inconsequência, Estufa de efeito mortal, radioativo ataúde da civilização. Da poesia das flores, nem mais saudade. A retina borrada das lembranças, se apagará com nossos derradeiros ais.



(Postado aqui em 30 de janeiro de2011).



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.

Nosso conteúdo é de direito reservado. Sua reprodução pode ser permitida, desde que seja dado crédito ao autor original: Antonio Pereira Apon. E inclua o link para o site: WWW.aponarte.com.br
É expressamente proibido o uso comercial e qualquer alteração, sem nossa prévia autorização.
Plágio é crime previsto no artigo 184 do Código Penal.
- Lei n° 9.610-98 sobre os Direitos Autorais
.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported License.

Fale conosco.




Rosa da amizade/Afeto enviada pela CÉU.


Rosa da amizade/Afeto enviada pela CÉU.


Troféu rosa da amizade/Afeto.


Rosa da amizade/Afeto do Poetizando e encantando da Professora Lourdes..








Topo