Postagens

Amigos não tão virtuais

Imagem
... nem parecem, virtuais. Não costumam ser muitos, como muitos não são os amigos presenciais, mais como esses, vão chegando de mansinho, e como quem não quer nada, vão se achegando e criando morada em nosso coração. A amizade é adimensional, atemporal, transcende às telinhas, transborda e inunda a realidade...
Antonio Pereira Apon.


Por trás das palavras digitadas, de cada postagem, de cada comentário, clique… Existe uma pessoa, uma alma, alguém se comunicando nesse intercâmbio, interação, dita, virtual. Uns apenas passam, teclam e se vão, outros aparecem eventualmente, mas, alguns fazem-se constantes, criam laços e vão ficando, semanas, meses, anos…

A pedra. Para o distraído nela não mais tropeçar (Com mp3)

Imagem
Nem Renato Russo, Chaplin, Fernando Pessoa e muito menos os plagiadores. Essa “pedra” é de Antonio Pereira (Apon). O resto é plágio. Confusão? “Achado não é roubado”? “Domínio público”? A lei mostra a diferença.
A pedra (mp3)
Antonio Pereira Apon.


Esse meu poema: A pedra (1999). Circulava como de autor desconhecido ou com o nome de plagiadores. Agora aparece como de Chaplin, Renato Russo, Fernando Pessoa, sem citar a autoria...O real autor é Antonio Pereira (Apon). Todos os esclarecimentos em:http://www.aponarte.com.br/2007/08/pedra.html Ou no "Recanto das letras".
Na internet, há quem queira (convenientemente) confundir o velho ditado: “Achado não é roubado” com “domínio público”. Outro dia, ao questionar a postagem de uma das formas plagiadas do meu poema (A pedra) no Facebook, recebi como resposta o (no mínimo) equivocado desargumento:
" O poema postado circula há muitos e muitos anos na internet, da forma como citou, ou seja, com várias denominações de autoria. Infelizme…

Um até...

Imagem
... partilhamos um caminho, mas, a cada um seu caminhar. Quem se adianta nessa jornada, se deixa saudades, é porque conseguiu passear pelos corações, criando laços de bem-querer...
Antonio Pereira Apon.


Quem disse que a morte é um fim? A vida segue numa outra dimensão. Recomeço, novo começo; navegar no espaço-tempo para aportar no infinito, onde o eterno se explicita em encontros e reencontros. Para trás, os instantes doridos, os momentos sofridos, sob as pegadas dos passos deixados nessa Terra; as lágrimas que entristeceram a alegria. Em frente, colher nos braços os abraços furtados, adiados. Recolher a floração do bem semeado, das palavras benditas, das emanações de amor. E ali mais em frente, ver a felicidade ressorrir, ressurgir qual uma Fênix sobre as cinzas de todas as dores passadas.

Trem da vida

Imagem
... somos gestores de nosso existir, artífices na concepção do nosso desiderato; o tempo pode ser a mola propulsora que nos arremessa...
Antonio Pereira Apon.


segue perseguindo seu destino de ser árvore fértil e frondosa.
Observa a pedra bruta, que sem se acovardar perante a dor da lapidação, se permite a preciosidade da joia rara.

Qual o limite da amizade?

Imagem
Amigo é alguém com quem se pode contar, confiar, compartilhar...
Antonio Pereira Apon.


Nesses tempos em que se “caça” amigos e seguidores nas redes sociais, gente para curtir e compartilhar tudo e qualquer coisa. A amizade real, parece escassear, entre as descartáveis relações virtuais e artificiais sentires. Mas, amizade de verdade, não é e não pode ser medida em cliques, é uma ligação atemporal e transcendente, elo entre almas, liame incondicional de bem-querer. Algo como conta o filósofo Cícero:
Mergulhando no tempo, vamos encontrar Damon e Pítias, amigos inseparáveis desde pequeninos. Era o século IV a.C., jovens pensantes, andavam por Siracusa a espalhar suas ideias e ideais. Mais loquaz e “revolucionário, Pítias vivia a dizer entre outras coisas, que nenhum homem devia ter poder ilimitado sobre outro. E que os tiranos absolutos eram reis injustos. Aborrecido por demais com aquele discurso, o rei Dionísio, ordenou a prisão dos dois amigos.

É você

Imagem
Um ode ao amor, ao amar...
Antonio Pereira Apon.


Se penso,meu pensamento é você.Se sonho, meu sonho é você. Se desejo, meu desejo é você. Se amo, meu amor é você. Você já faz parte de mim, parte bela de mim. parte inteira do meu coração; você é do sol o calor, é da lua o clarão, do mar o rumor,

Amizade. Palavra que não anda bem sozinha

Imagem
Como bem canta Beto Guedes em "O Sal da Terra": "Um mais um é sempre mais que dois". Assim é a amizade, assim são os amigos. Portanto, durante todo o ano; no dia 20 de julho ou em qualquer um dos outros dias do amigo. Pense nisso.
Antonio Pereira Apon.


Amizade: Com saudade, remete-nos a quem está distante ou ausente, com sorriso, seca lágrimas, com luminosidade, dissipa sombras, com confiança, faz-se porto seguro, com sinceridade, torna-se companhia, com verdade, gera cumplicidade, com cliques, reduz distâncias, com apoio, motiva parceria, com alegria, torna-se esperança, com consolo, empresta-nos fé, com reciprocidade, cria solidariedade, com ideais, acorda sonhos,

Tipos de amigo(?)

Imagem
Amigo de verdade é uma maravilha. Mas, tem umas criaturas que adoram avançar o sinal e atravessar o samba...
Antonio Pereira Apon.


Fora o cada vez mais escasso amigo de verdade, aquele amigão do peito. Existe uma infinidade de "tipos" de amigos, alguns deles, quem os tem não precisa absolutamente de inimigo. Vejamos:
O amigo filósofo: tudo que você pede, ele responde que vai pensar.
O amigo Capoeirista: não perde a oportunidade de lhe "passar a perna".
O amigo SUS: só deve ser procurado, se não restar outra alternativa.
O amigo CPMF: é aquele insuportável, que chega dizendo que não vai demorar, mas vai ficando, ficando... ...
O amigo bolsa família: você o maltrata, faz dele "gato e sapato", depois dá um agradinho qualquer, que fica tudo bem.
O amigo Lula: nunca sabe de nada.
O amigo cachorro: quando você está longe, ele late (te xinga, fala mal...), morde (diz que vai bater e até matar), mas quando você aparece, ele abana o rabinho (te abraça, elogia, dá tapinha n…

Inimigo

Imagem
Inimizade é um aborto da razão, um desatino do sentir, um ser sem noção, deserto de emoção.
Antonio Pereira Apon.


Inimigo. Inimigo é o amigo, que ainda não fizemos; é a pedra bruta que desconhece a mão do artista, é a terra inculta aguardando a dádiva do plantio;

Verdadeiro amigo

Imagem
... são poucos, são raros, são aquelas pessoas que fazem a diferença; tornam certas, as horas incertas...
Antonio Pereira Apon.


Amigo de verdade, nem sempre é aquele que frequenta nossa casa, nos acompanha nas baladas, partilha a intimidade do nosso dia a dia; não está sempre de acordo conosco, abonando nossas faltas, justificando nossos erros, massageando nosso ego...