Ser pai (Feliz dia dos pais!)



... Pai não deserta nem desiste, Pai insiste! É a resposta, quando respostas faltam, é a coragem, quando o medo persiste, é a força, quando a fraqueza tenta se...


Paisagem com homem lendo jornal.


Pai é exemplo,

que torna o filho gente,

é a versão masculina do amor.

É uma opção consciente,

uma adesão consequente,

um compromisso sem fim.

É do filho o espelho,

da vida o parceiro,

na concepção de um existir.

Deus, pai e mãe

,

cúmplices, companheiros.

Coautores de um alguém!

Pai não deserta nem desiste,

pai insiste!

É a resposta,

quando respostas faltam,

é a coragem,

quando o medo persiste,

é a força,

quando a fraqueza tenta se chegar.

Pai é de tudo um pouco,

tem de médico e de louco,

adora posar de herói!.

Pai não é profissão,

é vocação de bem querer.

Não é obrigação, é por amor um combater.

Celebridade anônima,

ídolo sem refletores,

Pai.



(Postado aqui em 02 de agosto de 2009).



Foto do autor: Antonio Pereira (Apon).


Nosso conteúdo é de direito reservado. Sua reprodução pode ser permitida, desde que
seja dado crédito ao autor original: Antonio Pereira (Apon). E inclua o link para o site: WWW.aponarte.com.br
É expressamente proibido o uso comercial e qualquer alteração, sem nossa prévia autorização.
Plágio é crime previsto no artigo 184 do Código Penal.
- Lei n° 9.610-98 sobre os Direitos Autorais
.



Fale conosco.


Subscreva aos destaques RSS de:
Powered by FeedBurner

Comentários

  1. Lindo poema, pena que muitos pais não o mereçam. Muita paz!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os que não merecem não são pais. São meros reprodutores, coadjuvantes do acaso.

      Obrigado. Um abração.

      Excluir

Postar um comentário

Obrigado por ler e comentar nosso texto. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.

+ lidas nesses 30 dias

Apedra. Poema de Antonio Pereira (Apon). O distraído nela tropeçou...

Precisa de tinta para escanear?

Vidas por um cinto. Sinto...

Acróstico junino

Poema para o amigo - Feliz dia do amigo!

Qual o limite da amizade?

Um até...

A gente (Paródia de: A casa - Vinicius de Moraes)

Você não precisa de cerveja para ser feliz