Salvador. A sempre “Cidade da Bahia”



Ode a Salvador, capital primeira do Brasil. Fundada às margens da Baía de Todos os Santos em 29 de março de 1549.


Antonio Pereira Apon.


Farol da Barra, pintura de José Pancetti.


Proverbial Cidade do Salvador,

encanto de Todos os Santos,

encontro de todos os credos.

Miscigenada por essência,

brasileira terra afro-lusitana;

morena mátria da pátria,

capital primeira,

recanto primaz do Brasil.

Pictórica e arquitetônica,

sinfônica e popular;

tempero, dendê e dengo,

“dim dom dom” de berimbau.

Escunas “bordando” o mar,

saveiros na rampa do mercado,

do recôncavo um ancestral recado,

“reconvexa” Bahia!

Passado e presente,

gente, suor e poesia,

magia no enredo da vida,

a lida, sem perder a canção.

Onde o singular é plural

e a recíproca se impõe verdadeira;

na Baixa,

no Alto,

no requebro da ladeira.

Atabaques e guitarras,

eletrônica e tambores,

urbe de carnavais e louvores.

Cidade em dois andares,

o Lacerda a transportar,

faróis de seus olhares

monumentos dos tempos idos

celebrar do cuidar bem-vindo,

preservar pra quem virá.

Salve Salvador!

Eterna “Cidade da Bahia”.


Lavadeiras do Abaeté, pintura de José Pancetti.



Postado aqui em 29 de março de 2016.


Show de imagens de Salvador.




Subscreva aos destaques RSS de:
Powered by FeedBurner

Comentários

  1. Que linda homenagem a Salvador, amei quando a conheci, já fui duas vezes por aí, espero ir mais!
    Deixo aqui os meus parabéns, que continue linda!
    Abraços apertados meu amigo querido Antonio!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Salvador sofreu anos de maltrato e descaso, mas pouco a pouco, vem resgatando sua dignidade e beleza.

      Um abração.

      Excluir
  2. Olá, António...

    como está...

    cheguei cá rapidinho. assim é excelente e muito prático. muito lhe agradeço.

    PARABÉNS A SUA CIDADE E A TODOS OS QUE AÍ NASCERAM E AÍ VIVEM.

    S. Salvador da Bahia tem uma história muito importante e muito própria. considero-a uma das cidades mais emblemáticas do Brasil, e mesmo não a conhecendo, a acho um pouco diferente, para melhor, das demais.

    seu poema faz jus as minhas palavras, sem dúvida. Carnaval próprio, figuras importantes das Artes e das Letras nasceram aí e foi primeira capital do seu país. Parabéns, mais uma vez.

    aquele abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Salvador é uma cidade singular, por muito tempo foi descuidada pelos poderes públicos e pela própria inconsciência de sua população. Mas, pouco a pouco, a coisa parece que vai mudando para melhor. Infelizmente, sofremos os reflexos da crise nacional com calamitosas consequências na segurança, saúde, educação e emprego. Fora isso, tudo vai bem e Salvador continua linda demais.

      Um abração.

      Excluir

Postar um comentário

Obrigado por ler e comentar nosso texto. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.

+ lidas nesses 30 dias

Apedra. Poema de Antonio Pereira (Apon). O distraído nela tropeçou...

Aprendizado. Reflexões de aniversário

Precisa de tinta para escanear?

A gente (Paródia de: A casa - Vinicius de Moraes)

Tempo sem pressa, sem preço

Meu partido é o Brasil. E o seu?