A arte da vida. Apon HP


Obrigado por sua visita. Boa leitura!


Clicando na imagem, você lê uma postagem sorteada pelo sistema.



Pensata. Apon HP - Pense nisso...>

Nossos escritos mais recentes:



terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Por trás dos espelhos e dos relógios





O que revelam, o que escondem. Espelhos, relógios?


Antonio Pereira Apon.



Coração espelho.


Espelhos denunciam nossa face temporal,

não conseguem refletir nosso ser atemporal.

Fragmentos tempo-espaciais.

Aparentam nossa aparência finita,

Dissimulam nossa infinita essência.

Espelhos, como os relógios,

Espelham apenas o tempo que passa.

Mas não somos passageiros!

Nem dos espelhos.

Nem dos relógios.


Subscreva aos destaques RSS de:
Powered by FeedBurner

Compartilhe:

2 comentários:

  1. Olá !!!

    Incrível o texto !!
    Descreve com perfeição e beleza a ilusão dos espelhos, nos mostrando nossa forma mortal, denunciando as marcas do tempo, sem refletir quem realmente somos, sem mostrar nossa imagem verdadeira, muitas vezes nos tirando o foco do que realmente importa, que é saber que não somos, como citado no texto "passageiros".
    Adorei !!!
    Um grande abraço !

    ResponderExcluir
  2. Oi Samanta.

    Obrigado pelas gentis palavras. Precisamos aprender a ver além dos espelhos, o infinito implícito em nosso ser liberto do tempo que passa.

    Brigadãooooo!

    ResponderExcluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.