Chuva ...alheia ao poeta e a rosa, a poesia e a prosa... (com mp3) - A arte da vida. Apon HP
Bom estar com você!


Dê um toque. Leia um escrito especialmente sorteado para você. Clique na figura abaixo.
Clique aqui, para ler um texto aleatoriamente selecionado pelo sistema.

Chuva ...alheia ao poeta e a rosa, a poesia e a prosa... (com mp3)

Publicado em sexta-feira, 15 de fevereiro de 2019



... sem sonho, nem realidade, projeto ou destino, lágrimas, risos, sem riqueza nem pobreza, doce nem fel. Apenas chuva...


Chuva (mp3).


Antonio Pereira Apon.

Uma jovem sentada na janela, contempla o mundo lá fora, numa noite chuvosa.


No blog Filosofando na vida, a professora Lourdes nos convida a escrever uma frase, verso, poesia, pensamento, mensagem… Sobre uma imagem postada a cada fim de semana. Acima, a imagem sugerida. Abaixo, a minha 70ª participação nessa “brincadeira” intitulada: Poetizando e encantando.


Selo de participação no Poetizando e encantando.

Cai a chuva,

Indiferente a tudo e nada:

vida, morte,

azar ou sorte,

palácio, choupana,

amor e ódio,

silêncio, burburinho,

violência, carinho,

tempo que passa

ou deixa de passar.

Apenas cai a chuva:

alheia ao poeta e a rosa,

a poesia e a prosa;

sem sonho,

nem realidade,

projeto ou destino,

lágrimas, risos,

sem riqueza nem pobreza,

doce nem fel.

Apenas chuva,

chuva que cai.




Postado aqui em 02 DE SETEMBRO DE 2010.




Nossas participações no "Poetizando e encantando":

Para exibir/ocultar Clique para exibir/ocultar nossos posts no poetizando e encantando.

42 comentários:

  1. Olá Antônio,

    Poesia, que bom!
    Lufada de ar, ainda, mais fresco, em seu blog.
    Então, aqui, se fala de chuva que cai, e tudo o resto não interessa.
    A chuva é bonita, quando cai, silenciosamente.

    Abraços da Luz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Luz.

      Poesia é fundamental, mesmo quando em prosa, procuro colocar em meus textos sempre um toque poético.

      A chuva aqui simboliza a força dos elementos da natureza que independem de nós, da nossa vontade. A poesia natural da vida.

      Um abração e bom fim de semana.

      Excluir
  2. Olá!
    Boa noite!

    A poesia é a música da alma e mesmo não sendo uma grande poetiza, escrevo os meus rabisco com a alma e o coração. Acho que nasci poeta.
    Passei uns dias afastada do blog e do poetizando, mas com muita saudade dessa convívio e de apreciar as lindas poesias dos participantes, estou de volta com meu poetizando.
    Ficarei grata com sua visita.

    Parabéns pela encantadora poesia. Palavras profundas para relatar poeticamente o que acontece na vida, essa chuva que muitas vezes lava a alma. PARABÉNS!

    Um feliz e abençoado fim de semana.

    ResponderExcluir
  3. Olá, meu benzinho!

    Estive escutando tua voz declamando o poema, k escreveste e acho tua voz tão lindaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa! Amo a tua dicção e até entendo o k tu falas-rs.

    O poema é mto bonito e mto suave. Viva a chuva e toda a natureza.

    Beijos e beijos. Aceitas -rs?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eita exagero! Rs rs rs... Poesia da chuva que cai. Não é nova, mas, creio que casou bem com a imagem.

      Claro que aceito os beijos, dançando na chuva.

      https://www.youtube.com/watch?v=4XM69CYAEnY

      Ritmo Da Chuva
      Ronnie Von

      Olho para a chuva que não quer cessar
      Nela vejo o meu amor
      Esta chuva ingrata, que não vai parar
      Pra aliviar a minha dor
      Eu sei que o meu amor pra muito longe foi
      Com a chuva que caiu
      Oh gente por favor, pra ela vá contar
      Que o meu coração se partiu
      Chuva traga o meu benzinho
      Pois, preciso de carinho
      Diga a ela pra não me deixar triste assim
      O ritmo dos pingos ao cair no chão
      Só me deixam relembrar
      Tomara que eu não fique a esperar em vão
      Por ela que me faz chorar


      Olho para a chuva que não quer cessar
      Nela vejo o meu amor
      Esta chuva ingrata, que não vai parar
      Pra aliviar a minha dor
      Eu sei que o meu amor pra muito longe foi
      Com a chuva que caiu
      Oh gente por favor, pra ela vá contar
      Que o meu coração se partiu
      Chuva traga o meu benzinho
      Pois, preciso de carinho
      Diga a ela pra não me deixar triste assim
      O ritmo dos pingos ao cair no chão
      Só me deixam relembrar
      Tomara que eu não fique a esperar em vão
      Por ela que me faz chorar


      Um abraço. Tudo de bom. O post mais novo está no link abaixo. É só clicar para ler.
      💙 Acorda para caminhar.

      Excluir
    2. Exagero, que nada! Tens uma voz bonita e uma excelente dição e sabes declamar mto bem.

      Só depois é k vi, que já a tinha comentado em agosto de 2012, mas pas de problèmes.

      Nosso, k menino "desaforado" e "descarado"! Quer beijos dançando na chuva! Já pensaste se ela tiver problemas de tireoide e se engasgar facilmente? É k há saliva mais a água da chuva - RISOS!!!!!!!

      Gostei imenso da música e da letra. O vídeo só tem ou quase tem imagem de beijo e mais beijo na boca. Que "vergonha" -rs!

      Beijos e boa semana.

      Excluir
    3. Se tu dizes...

      https://www.youtube.com/watch?v=YaUZzKe8jJY

      Me chama
      Lobão, Os Ronaldos

      Chove lá fora e aqui, faz tanto frio
      Me dá vontade de saber
      Aonde está você
      Me telefona
      Me chama, me chama, me chama
      Nem sempre se vê
      Lágrimas no escuro, lágrimas no escuro
      Lágrimas, cadê você
      Tá tudo cinza sem você
      Tá tão vazio
      E a noite fica assim porque
      Aonde está você, me telefona
      Me chama, me chama, me chama
      Nem sempre se vê
      Mágicas no absurdo, mágicas no absurdo
      Compositores: Joao Luiz Lobao

      IntÉ! Um abraço e uma boa semana.

      Excluir
    4. Ah, que poema tão "carente" -rs!
      Gostei da letra e da música. Da interpretação, nem por isso.

      O "pobrezito" tá precisando de uma telefonema. Mais ainda -rs? Peça pra ela -rsrsrs!

      Beijos e durma bem.

      Excluir
  4. Boa noite!
    Vim apreciar mais uma bela participação sua e me encantei com esta linda poesia. Você tem uma forma especial de poetar que nos encanta. A chuva que cai e lava até mesmo o amor e o ódio. as vezes se misturam com grande intensidade e isso não é bom mesmo. Parabéns!
    Minha participação, espero que goste. https://nasondasdvida.blogspot.com/2019/02/70-edicao-do-poetizando-e-encantando.html
    Sem tempo estou quase não conseguindo participar, mas como amo poesia e o poetizando já publiquei.
    Abraços, feliz fim de semana.

    ResponderExcluir
  5. Olá:- Muito bonita a sua participação. Ver e sentir o cair da chuva é inspirador para muitos poetas.
    Gostei muito
    .
    Cumprimentos poéticos

    *** Olhar de amor perante a magia do pôr-do-sol ( Poetizando e Encantado ) ***

    ResponderExcluir
  6. Linda poesia, ouvindo com o som da chuva junto!Parabéns! abraços, chica

    ResponderExcluir
  7. Olá António!
    Belo e lindíssimo poema, gostei de ler ...e ouvir os salpicos de chuva a cair.
    Gostei muitíssimo. Parabéns pela poesia e postagem.
    Abraço e ótimo Domingo.
    Luisa

    ResponderExcluir
  8. Um momento lírico de colossal intensidade. Um encantamento provocado com seu majestoso poetar
    Um bom domingo Antonio
    Um abraço

    ResponderExcluir
  9. Bom dia, amigo Antonio!
    Ouvi o poema declamado, uma beleza o escutar da chuva... é um momento poético da natureza cada vez que me ponho a contemplar. Gosto muito da chuva não demolidora e a suave é um momento em que Deus está Poetizando para nosso enlevo.
    Aqui, assim foi também para nós.
    Uma bela chuva de metáforas a nos enriquecer...
    Tenha um um excelente Domingo de paz!
    Abraços fraternos de paz e bem
    🙏🙏🙏

    ResponderExcluir
  10. It's fine. Just great. I did not plan to do this, but still let out my mean male tear. Poetry really catches the soul. Thank.

    ResponderExcluir
  11. Linda inspiração, Antônio
    Tenha uma ótima semana.
    Um carinhoso abraço de
    Verena.

    ResponderExcluir
  12. E quando a chuva cai, caem versos belos na mão do poeta.
    Que os lapida em poema de rara beleza.

    Meu abraço e boa semana

    ResponderExcluir
  13. Bom dia!
    Mais uma vez participando do Poetizando com a aluna Vanessa Oliveira.
    Espero que goste da nossa singela participação. Será um prazer receber você no nosso cantinho. escolhi essa imagem mas você amigo Antônio poetizou com muita sabedoria. Parabéns pelas grande verdades que escreveu.Abraços, feliz e abençoada semana.

    ResponderExcluir
  14. Estimado António
    O seu poema está uma maravilha de composição
    lírica, em verso livre bem ritmado.
    Essa chuva indiferente que inspira tanto
    escritores de sensibilidade delicada.
    Gostei de ouvir a sua voz, muito fresca,
    jamais a imaginaria assim.
    Abraço amigo, António.
    ~~~~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A inspiração, a poesia e mesmo o "frescor" da voz, é a chuva e sua gentileza.

      Um abraço. Tudo de bom.
      💙 Acorda para caminhar.

      Excluir
  15. Boa noite António,
    que lindo o seu poema!
    sinto que é uma chuva tropical que não é fria!
    não aleija, só cai, como é o seu dever e o seu destino:)
    e felizes que estamos que ela continue a cair :)))
    eu gosto muito da chuva, temos pouca aqui no sul… céu azul, céu azul…
    e antigamente não muito longo, havia procissões com lindos cânticos a pedir chuva!

    António, aqui vai um pouco da nossa chuva :
    https://poesiesenportugais.blogspot.com/
    Mariza - Chuva (Concerto em Lisboa)

    abraço
    Angela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chuva assim é sempre boa, poética e inspiradora, ela versa em gotas que banham a alma.

      Um abraço. Tudo de bom.
      💙 Acorda para caminhar.

      Excluir
  16. BOA NOITE!
    Convite para o Poetizando e Encantando.

    Amigo, hoje não foi possível postar mais cedo, além de tudo ainda estou estudando para um concurso interno para coordenador da rede estadual. Passei no PROGEPE e agora estudar para tentar a coordenação pois para me aposentar ainda falta tempo de contribuição, e agora com essas mudanças, piora tudo!

    Desculpe o relato, mas para que você entenda um pouco, de como tem sido difícil manter o poetizando, dai a demora nas visitas e adicionar links.

    Vamos poetizar mais uma vez com imagens agradáveis que nos convidam a poetar. Como diz Federico García Lorca.” Todas as coisas têm o seu mistério, e a poesia é o mistério de todas as coisas”.

    Abraços, feliz fim de semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entendo suas dificuldades e reverencio seu esforço em manter esse belo projeto.

      Minha participação já está lá.

      Um abraço. Tudo de bom.
      💙 Acorda para caminhar.

      Excluir
  17. Ler sua magnífica poesia falando tão profundamente sobre chuva e sentir na realidade essa chuva caída do céu, dá-me intenso prazer, pois, coincidência ou não, está caindo uma chuva benfazeja no meu seridó, enchendo-nos de esperança de sair dessa seca malvada. Amei essa partilha!
    Beijos e um fim de semana feliz!

    ResponderExcluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.





Rosa da amizade/Afeto enviada pela CÉU.


Rosa da amizade/Afeto enviada pela CÉU.


Troféu rosa da amizade/Afeto.


Rosa da amizade/Afeto do Poetizando e encantando da Professora Lourdes..



Follow
View My Stats

DMCA.com Protection Status


@INSTAGRAM