Troca - Apon na arte da vida

Bom estar com você aqui no APON NA ARTE DA VIDA!



Leitura sorteada - Nossos vídeos

Postagem em destaque

Por onde anda você?

Você, que vaga em meus sonhos, qual a brisa de outrora; acordando sentidos, acarinhando sentimentos; exumando lembranças, memórias ...

Troca

Publicado em domingo, 7 de maio de 2017


Ilustração oficial do blog - Uma rosa vermelha na diagonal, sobre um fractal do por do sol, com o nome Apon em relevo, na parte inferior da imagem. #PraCegoVer

Tem gente

que acha a vida uma droga

e se droga

para fugir

de sua droga de vida

cheia de covardia

e tolos complexos.

Não se aceitam!

Mas aceitam

o hálito Mefisto do vício.

Como ratos

sorvem veneno

na ilusão

de matar a fome

do seu vazio.

Destroem-se,

morrem de overdose,

trocam "sua droga de vida"

por uma droga de morte.



Postado aqui em 27 de setembro de 2010.


Antonio Pereira Apon.

Siga-nos

Dê uma espiadinha em nossas postagens mais recentes:


4 comentários:

  1. Infelizmente, ouvi uma grande verdade tão intensa que não nos deixa indiferentes... Parabéns!
    Abraço.

    ResponderExcluir
  2. Querido amigo Antonio, ouvi e li seu texto/poema e digo que, infelizmente está acontecendo demais isso, pessoas que começam no vício das drogas e depois não conseguem mais sair, que pena, que triste fim!
    Abraços apertados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Triste mesmo. Poucos conseguem escapar dessa armadilha das drogas.

      Um abraço.

      Excluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.

@INSTAGRAM