Girando qual pião - A arte da vida. Apon HP

Bom estar com você aqui no A ARTE DA VIDA. APON HP!


Dê um toque. Leia um escrito especialmente sorteado para você. Clique na figura abaixo.
Clique aqui, para ler um texto aleatoriamente selecionado pelo sistema.

Girando qual pião

Publicado em terça-feira, 11 de setembro de 2018



... gira o clima da estação. Giram os saberes, os fazeres, quereres e haveres; roleta em giração. Morte, sorte, transformação. Gira o tempo, os dados, as bolas do bilhar...



Antonio Pereira Apon.
Menino com pião - Cândido Portinari.

Gira a vida,

gira o mundo;

gira o rumo qual pião.

Gira o destino,

o idoso,

o menino...

Tudo gira.

Nada para!

Giram as engrenagens,

giram as rodas,

gira a paisagem...

Giram os ponteiros,

os dígitos,

gira o clima da estação.

Giram os saberes,

os fazeres,

quereres e haveres;

roleta em giração.

Morte,

sorte,

transformação.

Gira o tempo,

os dados,

as bolas do bilhar.

Giro do ficar e partir,

ir e vir;

giram as horas,

dias a girar.

Gira a lida

e a preguiça gira.

Gira a vida,

gira o mundo;

gira o rumo qual pião.



Postado aqui em 15 de julho de 2016.



6 comentários:

  1. Lindo poetar que sempre encontro por aqui!
    A vida gira, tudo gira, nem sempre segue em linha reta, sonhos e desejos muitas vezes se confundem!
    Inspirados versos, somos eternamente influenciados!
    Abraços apertados amigo poeta Antonio!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Girar, movimentar para mudar, transformar, transcender... Parar é estagnar, tardar...

      Um abração e um bom fim de semana.

      Excluir
  2. Ler seu poema me fez pensar o quanto tudo está sempre em mutação. Esse é um dos motivos pela qual o ser humano nunca deve se prender à ideia de que tem controle sobre tudo, nem em relação à quem irá encontrar sem seu caminho. Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo passa e nós, passageiros no giro das rodas do tempo, avançamos na revolução de cada instante. Quem para estagna, quem tarda entorpece; a vida flui, reciclando ideias e costumes, velhas e "imutáveis certezas".

      Um abração e uma boa semana.

      Excluir
  3. Oi Antonio,
    Lindo poema! O movimento da vida girando, rodando, passando!
    Transformação!
    Beijo carinhoso. feliz semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que para estagna, enferruja, trava, emperra... Tudo é movimento.

      Um abração.

      Excluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.




Rosa da amizade/Afeto enviada pela CÉU.


Rosa da amizade/Afeto enviada pela CÉU.


Troféu rosa da amizade/Afeto.


Rosa da amizade/Afeto do Poetizando e encantando da Professora Lourdes..




Follow
View My Stats

DMCA.com Protection Status


@INSTAGRAM