Onipresente celular - A arte da vida. Apon HP

Bom estar com você aqui no A ARTE DA VIDA. APON HP!


Dê um toque. Leia um escrito especialmente sorteado para você. Clique na figura abaixo.
Clique aqui, para ler um texto aleatoriamente selecionado pelo sistema.

Onipresente celular

Publicado em sábado, 28 de janeiro de 2017



... O bichinho é o “Cão”! Põe o mundo nas pontas dos dedos, o universo na palma da mão. Tira foto, joga e filma, para todos se afirma, pro trabalho ou diversão. Tá com o patrão e seu sócio, tá no bolso do peão; para a labuta ou o ócio, o celular está na mão...


Antonio Pereira Apon.


Mão tocando tela responsiva.


No começo só um móvel telefone,

mas, estrelou, mudou de nome,

cresceu, meteu-se a besta;

afamou-se smartfone.


Está por toda parte,

já não há quem dele aparte

e reclamar não adianta!

Está no almoço, café e janta;

chega de Facebook e Whatsapp,

Instagram ou qualquer app.


Está na aula e no casório,

no motel ou no velório;

no berço do bebê e no beber do bar,

na novena e na novela,

na jogada de trivela,

no improvável ele está!

No banheiro, no chuveiro,

onde nem se possa imaginar.

Não tem mercado nem nicho,

se espalhou feito feitiço,

eita troço popular!


O bichinho é o “Cão”!

Põe o mundo nas pontas dos dedos,

o universo na palma da mão.

Tira foto, joga e filma,

para todos se afirma,

pro trabalho ou diversão.

Tá com o patrão e seu sócio,

tá no bolso do peão;

para a labuta ou o ócio,

o celular está na mão.


Na transa e no trânsito,

particular ou qualquer âmbito.

Pra chamar o táxi,

pra pedir comida,

pra fugir da lida...

Toca a tela responsiva.

Até para cantar mulher!

Vai na banca e no banco,

comprar, vender, trocar;

o cinema ou qualquer canto,

tudo ao alcance do tocar.

Toca música, roda vídeo,

vai de erudito e popular,

faz de toda estripulia.

Mas pode,

simplesmente,

telefonar.


Antes que essa trova encerre,

te convido a acessar:

aponarte.com.br

no PC, tablet ou celular.



4 comentários:

  1. Celular já tem nome e sobrenome da família! Integra-a totalmente.
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é... Só falta virar herdeiro, ter direito a pensão, ser dependente na declaração do imposto de renda... Rs rs rs...

      Um abraço e bom fim de semana.

      Excluir
  2. Que prosa poética mais engraçada e verdadeira, António!

    O "bichinho" de que tu falas aqui, está dominando as pessoas, quase todas. Verdade! É muito melhor que os policiais e que os pais tentando ajudar, incutir regras aos filhos.

    O meu é muito simples, mandei desligar a Net dele e passa os dias caladinho. Tenho telefone fixo e por aí que eu gasto de estabelecer comunicação.
    Celular não se seduz nadica. Amar com celular ligado? Nossa! Sejamos inteligentes e razoáveis.

    Abraço, garoto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por cá, o povo dorme e acorda no Whatsapp, não sai da internet, queima a comida, esquece dos filhos, perde a hora, a noção, o juízo... Podem tirar tudo! A casa, o carro, o dinheiro... Mas se tirar o celular, tem gente que endoida. Rs rs rs...

      Um abraço.

      Excluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.




Rosa da amizade/Afeto enviada pela CÉU.


Rosa da amizade/Afeto enviada pela CÉU.


Troféu rosa da amizade/Afeto.


Rosa da amizade/Afeto do Poetizando e encantando da Professora Lourdes..




Follow
View My Stats

DMCA.com Protection Status


@INSTAGRAM