A arte da vida. Apon HP


Obrigado por sua visita. Boa leitura!


Clique para exibir/ocultar os posts mais recentes e mais opções do Site.

sábado, 20 de janeiro de 2018

Silente rosa, amor





... Mensageira das palavras não falantes, dos amantes vacilantes, dos silêncios do amor. Menestrel dos amores ocultos, dos quereres incultos, do sonegado amar. Arauto dos ditos inéditos, dos desejos poéticos, do platônico calar...


Antonio Pereira Apon.


Pessoa deitada em ambiente preto e branco com rosa em cores na mão.


No blog Filosofando na vida, a professora Lourdes nos convida a escrever uma frase, verso, poesia, pensamento, mensagem… Sobre uma imagem postada a cada fim de semana. Acima, a imagem sugerida. Abaixo, a minha décima nona participação nessa “brincadeira” intitulada: Poetizando e encantando.


Selo de participação no Poetizando e encantando.

Rosa é poema feito flor;

versa dor,

versa o amor,

versador.

É orvalho e lágrima,

sombra e cor.

Colorindo o descolorido,

reflorindo o furta-cor.

Mensageira das palavras não falantes,

dos amantes vacilantes,

dos silêncios do amor.

Menestrel dos amores ocultos,

dos quereres incultos,

do sonegado amar.

Arauto dos ditos inéditos,

dos desejos poéticos,

do platônico calar.

Que as rosas não falam,

já cantou o poeta.

Mas, poesia a rosa empresta;

ao meu dizer silente,

ao meu calar de amor.




Nossas participações mais recentes:





Subscreva aos destaques RSS de:
Powered by FeedBurner

Compartilhe:

29 comentários:

  1. Bon Jovi - Bed Of Roses. Tradução:

    Cama de Rosas

    Sentado aqui devastado e ferido
    Neste velho piano
    Tentando muito capturar o momento
    Esta manhã, eu não sei
    Porque uma garrafa de vodka
    Ainda está depositada na minha cabeça
    E alguma loira me deu pesadelos
    Eu acho que ela ainda está na minha cama
    Enquanto eu sonho com filmes
    Que não farão de mim quando eu estiver morto
    Com um punho rígido, eu acordo
    E dou uma beijo na manhã
    Enquanto alguma banda marchando mantém
    Sua própria batida na minha cabeça
    Enquanto estamos conversando
    Sobre todas as coisas que eu a muito acredito
    Sobre o amor, a verdade
    E o que você significa para mim
    E a verdade é, querida, você é tudo que eu preciso
    Eu quero deitar você numa cama de rosas
    Porque esta noite eu durmo numa cama de pregos
    Eu quero estar tão próximo quanto o Espírito Santo está
    E deitar você numa cama de rosas
    Bem, eu estou tão longe
    Que cada passo que eu dou é no meu caminho de casa
    O resgate de um rei em centavos eu daria a cada noite
    Só para ver através deste telefone público
    Mesmo que meu tempo acabe
    Ou fique difícil completar a ligação
    Até que o pássaro no fio me leve de volta para você
    Eu só vou fechar meus olhos e sussurrar
    Querida, amor cego é verdadeiro
    Eu quero deitar você numa cama de rosas
    Porque esta noite eu durmo numa cama de pregos
    Eu quero estar tão próximo quanto o Espírito Santo está
    E deitar você numa cama de rosas
    Bem, o uísque pra ressaca do bar do hotel acabou
    A peruca da garçonete está torta
    E ela está me olhando
    Bem, eu poderia ter dito sim
    Mas eu ri tanto que achei que tinha morrido
    Quando você fechar seus olhos
    Saiba que eu estarei pensando em você
    Enquanto minha amante, ela me chama
    Para ter sua atenção novamente
    Hoje à noite eu não estarei sozinho
    Mas você sabe que não
    Significa que eu não estou sozinho
    Eu não tenho nada a provar
    Pois é por você que eu morreria para defender
    Eu quero deitar você numa cama de rosas
    Pois esta noite eu durmo numa cama de pregos
    Eu quero estar tão próximo quanto o Espírito Santo está
    E deitar você
    Eu quero deitar você numa cama de rosas
    Pois esta noite eu durmo numa cama de pregos
    Eu quero estar tão próximo quanto o Espírito Santo está
    E deitar você numa cama de rosas

    ResponderExcluir
  2. Ola, Antonio!
    Uma rosa bem descrita...
    tudo bem pontuado como num desfolhar de uma rosa ...
    "Mensageira das palavras não falantes "... perfeita metáfora sobre a orvalhada rosa.
    Seja muito feliz e abençoada @
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rosas são poemas sem palavras, são silêncio a gritar sentires.

      Um abraço e uma boa semana.

      Excluir
  3. Amigo Antônio boa noite! Mais uma bela participação! Uma poesia que fala do amor que desabrochou como uma rosa mas que as vezes entristece com amor e dor.Uma poesia com rimas como é seu toque especial e ficou encantadora. Parabéns amigo, muito obrigada pela atenção e o carinho em participar. Abraços, tenha uma noite feliz e um amanhecer de paz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amor e dor, mais que rimas, são duas faces da vida, da grande arte de aprender a viver.

      Um abraço e uma boa semana.

      Excluir
  4. Olá amigo!
    A rosa tão perfeita mensageira da alegria e da dor. Leva seu perfume e encanta os olhos em todas suas variações, mas a vermelha traduz o amor entre os seres do planeta.Bonito jogo de palavras no seu belo poema.
    Uma boa semana para voce com este domingo de paz e alegria.
    Meu terno abraço de paz e luz amigo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As rosas são mensageiras e mensagens poéticas naturais dos sentires, portadoras de magia e emoção.

      Um abraço e uma boa semana.

      Excluir
  5. Respostas
    1. O poetizando e encantando está sempre cheio de belas participações. Agora vou lá no seu link.

      Um abraço e uma boa semana.

      Excluir
  6. Olá, "Sr." Tonico!

    Bom dia, bom dia pra você e para a loira, que dormiu na tal cama de rosas. Que pouca vergonha (rsrs)!

    Seu "safado"! Então, você é um adúltero (rsrsr). Não tente me explicar coisa nenhuma, pois tudo está bem à vista. Não diga que foi da vodca, que isso é mais uma desculpa.

    Quê? Beijo de língua na manhã? Pois, bem se vê que a "infidelidade" foi cometida de noite, de madrugada e de manhã (é só uma questão de preposição, apenas e só), porque durante toda a noite estiveram fazendo outro tipo de "trabalhinho". Né? Não abane a cabeça! Não olhe para o chão com "vergonha", porque eu conheço sua "espécie", "viu"? Beijo de língua, mas o que vem a ser isso? Conheço beijo na face e na boca, mas na língua?! Tôu vendo você de língua estendida e ela também e ora tu beijavas a dela, ora ela beijava a tua. Foi isso? Me explique tudo direitinho, caso não, peço o "divórcio" (rsrsrsrsrsrsr).

    Você dorme numa cama de pregos? Nunca notei isso. Nós "dormimos junto" (risosssssssssssssssssss) e até acho o colchão bem molinho e se adapta bem ao nosso corpo. Que exagero, seu "cafajeste"!

    Li seu poema e o achei lindo, aveludado, tal como as rosas dessa cama de que você (Bon Jovi e não você) falou. Um escrito de amor, onde a vontade de mudança se nota a olho nu. Um dia, há de acontecer! O silêncio dará lugar à voz e a palavras nunca antes proferidas.

    Por aí, tudo na mesma e por aqui, também, ou seja, o frio continua.
    Já estou "bela" e bem acordada, "meu príncipe" (rsrs). Fico esperando a carruagem chegar (rsrsrs), mas olhe que só tenho um sapato (rs)! Vou no "seu colo", mesmo assim, descalcinha?

    Beijinho e bom domingo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me inclua fora desse bolo "linguístico" do Bon Jovi. Rs rs rs... Sou um rapaz decente e não sou cafajeste, safado; sou um Lord.

      Não me lembro dessa coisa de "dormimos junto". Rs rs rs... Olha que o povo acredita! Rs rs rs...

      As rosas são inspiradoras, verdadeiros poemas naturais, odes ao sentir. E o tempo e com o tempo, hão de florirem rosas sorridentes no jardim do coração para perfumar a vida, embelezando o existir.

      Um abraço My Lady e uma boa semana.

      Excluir
    2. Evidente que você está fora dessa embrulhada linguística, que minha imaginação criou, mas tenho de ter cuidado com o que escrevo. Compreendo!

      Sei que você é um gentleman, um Lord, enfim, uma pessoa quase sem defeitos. As minhas desculpas pelos denominações, que aqui escrevi, mas brincando, claro, todavia, nem sempre são bem aceites. Entendo!

      Você já veio a Portugal alguma vez? Eu nunca fui ao Brasil. Então, como teríamos nós dormido junto? Acho que o povo, a nossa classe social, não é tontinha, portanto sabe distinguir o que é real do que não é. Se houver quem não saiba, bom, aí é pura maldade ou caso para psiquiatria (rs).

      A rosa é a rainha das flores e nos dão o odor, a beleza, o enfeite e até a inspiração.

      Agradeço e retribuo o abraço. Boa semana.

      Excluir
    3. Não se desculpe, nem veja recriminação em minhas palavras. Apenas explicitei a brincadeira, pois cá, nessa província do atlântico sul, tem gente tonta e sem noção, para quem, a interpretação sobrepõe a realidade e a versão vale mais que a verdade. "Quase sem defeito", aí já é delírio ou generosidade sua. Rs rs rs...

      A psiquiatria não dá conta da maldade de certa gente. Ô raça! Rs rs rs... Só Caetano para bem explicar tal gentalha:

      https://www.youtube.com/watch?v=dF_zLd_oqqw

      A rosa é uma das tantas obras-primas do Criador.

      Um abraço superlativo e sem desculpas. Inté!

      Excluir
    4. Olá, Tonico!

      Mas eu vi, pra te falar com sinceridade, daí minhas palavras.
      Acredito no que dizes, mas há coisas tão óbvias, como pão ser pão e pão e há outras interpretações posíveis.

      Não sou teimosa, nem orgulhosa e se tiver que ser eu a "dar o braço a torcer", darei. Creio que esta é a minha melhor qualidade.

      Não conhecia essa canção de Caetano e nem sabia que Tieta era o diminutivo de Antonieta, uma das personagens de um romance de Jorge Amado. Gostei da interpretação.

      Resto de feliz noite. Inté!

      Excluir
    5. Tem gente que sem ser Maria Antonieta, confunde pães e brioches. (Rs rs rs(... Mas, minha querida e estimada portuguesita, não ligue, esqueça isso; não dê tanta importância ao que não a tem.

      Vamos ali, dar um passeio às margens de "la Seine"?

      https://www.youtube.com/watch?v=z5Z8ScwgenI

      Ou passear pelas ruas de Paris como os personagens daquela antiga canção...

      https://www.youtube.com/watch?v=A314PVRSQIM

      Depois, contemplar o mar, poetizar/sonhar talvez o Brasil...

      https://www.youtube.com/watch?v=ieYQKS9-Is0

      Enfim, acordamos. Cada um em seu lado do atlântico.

      Gostou do passeio?

      Um abraço onírico, lúdico. Inté!

      Excluir
    6. Olá, Tonico!

      Decerto que também já fiz confusões, por desconhecimento, creio, mas pão é pão e brioche é brioche.

      Meu querido brasuqinha, já esqueci. Eu esqueço rápido e nem sou de guardar rancor a ninguém, a menos que seja algo muito grave, mas mesmo assim, não fica rancor, fica a indiferença.

      Evidente que teria de aceitar o teu convite para um passeio virtual. Como não? Paris, toujours Paris e à noite, essa cidade é um deslumbramento. As águas do Sena estão muito poluídas, mas há nelas muito romantismo, mesmo assim.

      She, may be, compreendo. She is very importante, but may be.

      La boheme, uma canção que relembra tempos da juventude, onde tudo se conseguia ultrapassar. Que interessa não er boa casa, nem boas roupas, se o amor e o sonho estão de mãos dadas.

      Por vezes, estamos tão fartos do que nos rodeia, que desejamos conhecer o mundo, a terra inteira e pode ser que, desse jeito, algo mude.

      Agradeço os vídeos maravilhosos.

      Abracinho e bom resto de dia.

      Excluir
    7. Com poluição do Sena, com enchente... Paris não perde o encantamento, a poesia de "Cidade Luz", ainda que eu não a possa apreciar com os olhos.

      https://www.youtube.com/watch?v=Iw3gn1Ij7mQ&list=RDIw3gn1Ij7mQ&t=63

      Um abraço e bom fim de semana. Inté!

      Excluir
    8. Tens toda a razão, Tonico. Paris é a cidade dos amantes, da luz e amar nessa cidade é "coisa" diferente.

      Não podes observar com teus olhos, mas tens todos os outros sentidos bem apurados. Assim, usa muito o tato, quando fores a Paris... AMAR!

      Adorei a música. Concertina, pois então. Tudo é lindo! Merci, mon chéri!

      Boisous et bonne semaine.

      Excluir
  7. Simplesmente linda tua participação,Antônio! abraços praianos,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Linda é essa BC que nos inspira a cada semana, produzindo versares dos mais diversos.

      Um abraço e uma boa semana.

      Excluir
  8. Extasiada com a leitura do seu magnífico poema Antônio. Aplausos pra sua lindíssima inspiração
    Uma boa semana
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos tentando poetizar e encantar. Brigadoooooo!

      Um abraço e uma boa semana.

      Excluir
  9. Amigo, um encanto de poesia, parabéns pela leitura interpretativa da imagem e essa pérola de poesia. Abraços fica com Deus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como artesão das palavras, artífice dos versos, vou tentando, intentando poetizar e encantar.

      Um abraço e uma boa semana.

      Excluir
  10. Você poetizou lindamente e me encantou.
    Parabéns!
    Um forte abraço de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos nos esforçando para isso, um dia chegamos plenamente lá. Mas, obrigado por seu gentil comentário.

      Um abraço.

      Excluir
  11. Boa tarde amigo!
    Passando mais uma vez para deixar o convite do Poetizando e Encantando.
    Postei mais uma vez no sábado para que tenhamos mais tempo para organizar nossas participações e visitarmos os blogs amigos.
    Sua participação é muito importante nesta BC e só tenho que agradecer desde já, pois tem nos encantado a cada semana.
    Abraços, com desejos de um fim de semana feliz e abençoado.

    ResponderExcluir
  12. Amigo, nesta edição você está na retrospectiva, espero que goste.

    ResponderExcluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.