Bom dia! Isso não deu nos jornais - Apon na arte da vida

Bom estar com você aqui no APON NA ARTE DA VIDA!



Leitura sorteada - Nossos vídeos

Postagem em destaque

Por onde anda você?

Você, que vaga em meus sonhos, qual a brisa de outrora; acordando sentidos, acarinhando sentimentos; exumando lembranças, memórias ...

Bom dia! Isso não deu nos jornais

Publicado em sábado, 25 de janeiro de 2020



... Preste atenção nas notícias. Mas, não esqueça de quanto o mal é exibido, espalhafatoso e loquaz. Sobretudo, lembre que; equilibrado e sereno, o bem segue anônimo e sem escândalo, fazendo acontecer.




#PraCegoVer: Homem lendo jornal.

Todos os dias, os noticiosos trazem manchetes aflitivas que dão conta de um mundo enlouquecido, a beira do sem jeito. Mas, alheia a tudo isso, a vida, a realidade segue acontecendo, mostrando uma outra face que não costuma vender jornal nem ter destaques nas redes sociais. Heróis anônimos, protagonizando vivências; celebridades de verdade, brilhando fora dos holofotes. Notícias que não dão “notícia”:

Pessoas que deixaram o crime, largaram o vício, venceram, superaram a depressão; os desenganados que derrotaram a doença, os libertos do cárcere para não mais voltar; Tanta gente que transformou sua vida para melhor. Quantos professores, policiais, bombeiros, religiosos sinceros, políticos honestos, empresários sérios, alunos interessados, trabalhadores dedicados… Seguem fazendo toda a diferença? Quantos, evitaram pequenos e grandes conflitos, consolaram, mataram a fome, acudiram? Quantas crianças foram acolhidas, quantas deram o primeiro passo, disseram a primeira palavra? Quantos, combatem o preconceito e o racismo, a homofobia e a misoginia, a intolerância e o machismo?

Cada dia, mais e mais pessoas procuram cuidar melhor de si e dos outros, da natureza… A espiritualidade, a meditação, a solidariedade vão ganhando espaço nas consciências e cada vez mais, os desregramentos, a indiferença e todo tipo de absurdo, vai perdendo aquela já caduca naturalidade, a velha e anacrônica normalidade que insistia em se impor. Egoísmo, vaidade e orgulho já não são vistos com tão bons olhos. O arbítrio e todo tipo de equívoco, encontra resistência; até o tal “jeitinho”, pouco a pouco, vai perdendo o jeito. A cumplicidade do omisso e ocioso, tá pesando, ficando feia demais...

Preste atenção nas notícias. Mas, não esqueça de quanto o mal é exibido, espalhafatoso e loquaz. Sobretudo, lembre que; equilibrado e sereno, o bem segue anônimo e sem escândalo, fazendo acontecer.

4 comentários:

  1. Boa tarde de sábado, amigo Antonio!
    Incrível como você tem razão.
    Neste momento, vendo noticiários entre Brumadinho, MG , RJ e ES mas enchentes dos rios pavorosas...
    Seu post me deu um pouco de alívio. Sim, o bem é suavemente espalhado na face da terra e ninguém vê ou mesmo se torna mais grato (a).
    Que estejamos no grupo do bem anônimo!
    Tenha um final de semana abençoado!
    Abraços fraternos de paz e bem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O mal costuma chamar superlativa atenção, salta aos olhos. O bem vai silenciosamente seguindo o seu caminho, fazendo o que precisa ser feito, progredindo, avançando incógnito; humilde e placidamente.

      Um abraço. Tudo de bom.
      A ARTE DA VIDA. APON HP 💗 Textos para sentir e pensar.

      Excluir
  2. Boa tarde estimado amigo Antonio
    Quem faz o bem não espera reconhecimento e nem notícias em primeira página de Jornal.
    Seguem a vida espalhando sua solidariedade sem necessidade de promoção.
    E que continuemos neste grupo que não se promove por faz o bem à humanidade.
    Estimado amigo peço imensas desculpas por não vindo antes trazer-te o convite do Café poético
    Mas me senti imensamente honrada ao sabe quer estará em nosso grupo de amigos de poetas partilhando e abrilhantando o evento com a sua notável e magistral poesia
    Muito obrigada por interagir e participar
    Na véspera de sua apresentação eu lhe avisarei. Esta é minha responsabilidade
    Minha gratidão e o meu afetuoso abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O bem é assim; sereno e humilde, faz o seu trabalho sem chamar atenção nem exigir créditos, reverências, adulações. Serve e segue como bem preceituou o Divino Mestre Jesus.

      Não há o que se desculpar. Agradeço suas palavras elogiosas e tão gentis.

      Um abraço. Tudo de bom.
      A ARTE DA VIDA. APON HP 💗 Textos para sentir e pensar.

      Excluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.

@INSTAGRAM