Despetalar, tanto bem querer - Apon na arte da vida

Bom estar com você aqui no APON NA ARTE DA VIDA!



Leitura sorteada - Nossos vídeos

Postagem em destaque

Flor que gira ao vento, cata-vento

Cata-vento, quem mandou catar o vento? Colorido, colorindo; brincadeira de menino, de menina a brincar. Flor de papel girando ao vento,

Despetalar, tanto bem querer

Publicado em quarta-feira, 26 de janeiro de 2022


Malmequer. #PraCegoVer

Há tanto bem querer,
no despetalar de um malmequer;
pétala á pétala,
destino a soprar,
vento que aventa encontrar.
Num recanto do passado,
num canto do presente,
em algum lugar que nos haja de chegar;
achegar.
Despetalar do amor,
a flor do tempo;
que flori,
despetala,
reflori na forma de outra flor.
Benefício de não desistir,
beneplácito do acreditar.
No viver:
riscar, rabiscar nas linhas,
arriscar nas entrelinhas;
insistir,
persistir no tanto de bem querer,
que há no despetalar do malmequer.
Não, não é caso do acaso,
é azo,
a vida que se permite acontecer.

Se ainda não se inscreveu, inscreva-se em nosso canal, clique no sininho para escolher receber nossas notificações, ser avisado(a) dos vídeos novos. E não esqueça de dar seus likes. Conto com você! Obrigado.


Antonio Pereira Apon.

Siga-nos

Dê uma espiadinha em nossas postagens mais recentes:


12 comentários:

  1. Poema e declamação deslumbrantes. gostei muito de ler e ouvir. Deixando o meu elogio e aplauso
    .
    Saudações poéticos.
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gosto quando as pessoas leem e ouvem para comentar, ainda que de forma curta, mas com propriedade.

      Um abraço. Tudo de bom.
      APON NA ARTE DA VIDA 💗 Textos para sentir e pensar & Nossos Vídeos no Youtube.

      Excluir
  2. Um poema maravilhoso. Tanto lido como ouvido! Parabéns!:)
    -
    No silêncio do tempo...

    Beijos, e uma excelente tarde!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Tonico!

    É verdade! Quando despetalamos um malmequer, por exemplo, temos dentro do coração um sentimento tão puro de bem querer, e acreditamos que a flor nos dará a resposta que desejamos.
    Quando eu era adolescente, despetalei vários malmequeres para saber se "ele", o mocinho, me queria bem e se gostava mesmo de mim.

    É nas entrelinhas que tanta coisa acontece, aliás, há que insistir para que possamos ter a certeza desse bem querer, que não é por acaso, mas é um caso e, por vezes, bem sério.

    Beijos e malmequeres brancos para ti.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Despetalar a flor do malmequer, é bem querer de vida e tempo: suscitar, desejar, querer, fazer acontecer. Amar, como viver, é um risco.

      Aqui, um dos clássicos da MPB, versando o bem querer:

      https://www.youtube.com/watch?v=yxWvVSKyVV0

      Um abraço. Tudo de bom.
      APON NA ARTE DA VIDA 💗 Textos para sentir e pensar & Nossos Vídeos no Youtube.

      Excluir
    2. Gostei muito da letra, mas da voz de Djavan, nem por isso, mas thanks, Tonico.

      Beijos.

      Excluir
    3. Gosto não se discute. Fica a arte.

      Bom domingo e boa eleição em Portugal.

      Um abraço. Tudo de bom.
      APON NA ARTE DA VIDA 💗 Textos para sentir e pensar & Nossos Vídeos no Youtube.

      Excluir
  4. Boa tardinha de paz, amigo Antonio!
    No despetalar das emoções, a vida aflora e renasce.
    Sejamos o que reataura, o que fefloresce, nunca o que despetala maldosamente.
    Tenha um final de semana abençoado!
    Abraços fraternos com gratidão e estima

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale o poético despetalar em busca do sim desejado; acreditar sempre na vida, em Deus, no ser humano e no bom sentir.

      Um abraço. Tudo de bom.
      APON NA ARTE DA VIDA 💗 Textos para sentir e pensar & Nossos Vídeos no Youtube.

      Excluir
  5. O seu poema manifesta uma reflexão delicada sobre o despetalar do malmequer brincadeira que cruzou o Atlântico... Não sei em que sentido...
    Belo jogo de palavras, uma dicção perfeita...
    Saúde e dias bons e agradáveis... Abraço, amigo António.
    ~~~~~~~~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O grande bem querer, que busca encontrar reciprocidade na brincadeira de despetalar o malmequer, enche o sentimento de poesia e faz a vida suspirar.

      Dias bons de muito bem querer.

      Um abraço. Tudo de bom.
      APON NA ARTE DA VIDA 💗 Textos para sentir e pensar & Nossos Vídeos no Youtube.

      Excluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.

@INSTAGRAM