Maré vazante - Quando um amor se vai... - Apon na arte da vida

Bom estar com você aqui no APON NA ARTE DA VIDA!



Leitura sorteada - Nossos vídeos

Postagem em destaque

Jeito de pai

Tem pai que tem jeito e tudo ajeita, tem pai que não tem jeito e não se consegue ajeitar; pai jeitoso, pai desajeitado; pai que rejeita, ...

Maré vazante - Quando um amor se vai...

Publicado em domingo, 26 de junho de 2022


Praia vazia no inverno. #PraCegoVer

Praia ampla,

ampliada solidão;

maré vazante,

mar distante,

esvaziado coração.

O dia jaz num jazz;

silentes,

as pegadas desistem,

entregam-se ao soprar do tempo.

Congestionado,

o céu descolore a paisagem;

desbotar da miragem,

amor que se foi.

Sonhos esvoaçados,

desfloridos,

descoloridos cata-ventos;

flores arrancadas pelo vento.

Sem aviso,

sem alento;

tormento de não estar.

Eu sem você,

girassol sem sol,

inconstante maré vazante.



Se ainda não se inscreveu, inscreva-se em nosso canal, clique no sininho para escolher receber nossas notificações, ser avisado(a) dos vídeos novos. E não esqueça de dar seus likes. Conto com você! Obrigado.

6 comentários:

  1. Bom dia de domingo, amigo Antonio!
    Da triste realidade, você embelezou seu poema de forma magnífica e real. Parabéns!
    O Amor de maré cheia é efusividade pura, já boa amor de maré baixa fica muito apagadinho, não chama muita atenção do coração.
    Excelente declamação!
    Tenha uma nova semana abençoada!
    Abraços fraternos de paz e bem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A arte tem o dom de transmutar, embelezar a realidade.

      Semana de amor e paz, repleta de dias bons.

      Um abraço. Tudo de bom.
      APON NA ARTE DA VIDA 💗 Textos para sentir e pensar & Nossos Vídeos no Youtube.

      Excluir
  2. Olá: - Poema encantador. Declamação que emocionana de fascinante. Gostei muito.
    .
    Cumprimentos e um domingo feliz
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderExcluir
  3. Melancolia, solidão, tristeza... Espinhos do mar de rosas...
    Muito belo e expressivo, estimado António.
    Peço desculpa pelo meu atraso, mas tenho andado cansada...
    Vou ter que fazer uma pausa.
    Agradeço muito a sua atenção e dedicação.
    Dias de inverno leves e confortáveis. Abraço amigo.
    ~~~~~~~~~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "A vida vem em ondas como o mar. Num indo e vindo infinito..." Como canta Lulu Santos. Comentamos quando podemos, comigo não tem esse problema, pode ficar tranquila.

      Um abraço. Tudo de bom.
      APON NA ARTE DA VIDA 💗 Textos para sentir e pensar & Nossos Vídeos no Youtube.

      Excluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.

@INSTAGRAM