Apagão do apagão


Coisa do ”Coiso Ruim”? O povo no fuzuê do maior rebuliço; na abstinência das redes sociais, na secura dos compartilhamentos, na fissura dos likes, inutilidade dos smartfones… Isso não se faz!


Torre de transmissão. #PraCegoVer

Sem energia elétrica, celular, nem internet; sem um pix pra chamar de seu, teve gente pirando na batatinha nas teorias conspiratórias do apagão. Teve quem achasse que era coisa do defenestrado "Coiso Ruim”, o golpista surrupiador; outros acharam que era uma onda pós COVID-19, ebulição global, castigo de Deus e por aí foi. Mas as autoridades explicaram tudo muito bem explicadinho: Foi uma falha na abertura de não sei o que, que mandou mais de 16 megawatts pra não sei onde, deixando o povo sem porque nem pra quê, no fuzuê do maior rebuliço; na abstinência das redes sociais, na secura dos compartilhamentos, na fissura dos likes, inutilidade dos smartfones… Isso não se faz, apagão desconectado é questão de direitos humanos!

Antonio Pereira Apon

Autor do poema: A pedra. O distraído nela tropeçou... Procurando escrever em prosa e verso com a arte da vida.

4 Comentários

Obrigado por sua visita. Agora que terminou a leitura, que tal deixar seu comentário na caixa de comentários abaixo? Sua interação é muito importante. Obrigado.

  1. Querido amigo Antonio, pois é, rendeu um bom texto por aqui, apagão deixa tudo e todos desorientados, nem dá pra imaginar tais coisas acontecendo, mas...
    Vamos indo vendo como vai ficar, as explicações sem explicações, " falha na abertura de não sei o que..." essa foi boa, tens senso crítico e humor, amei ler aqui!
    Abraços apertados!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só mesmo fazendo graça com as coisas desse país, que do desgoverno passado para cá, superlativou na triste surrealidade. Mas, dias melhores hão de vir.

      Um abraço. Tudo de bom.
      APON NA ARTE DA VIDA 💗 Textos para sentir e pensar & Nossos Vídeos no Youtube.

      Excluir
  2. Olá, amigo Antônio!
    Não senti falta de nada, pois aqui em meu Estado nada afetou.
    Se houve algo, foi antes de eu acordar, bem cedo.
    Vi nos jornais e me surpreendi.
    Sem luz e os geradores dos leitos dos hospitais não funcionando, é um caos, meu Deus!
    O resto, vamos resolvendo com calma.
    Tenha dias abençoados!
    Abraços fraternos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por aqui a coisa levou longas horas e suscitou as mais descabidas conjecturas como brinquei no texto. Depois de um desgoverno como o que tivemos, muito há o que se consertar nesse Brasil de meu Deus.

      Um abraço. Tudo de bom.
      APON NA ARTE DA VIDA 💗 Textos para sentir e pensar & Nossos Vídeos no Youtube.

      Excluir
Postagem Anterior Próxima Postagem

Pular para comentários.


Clique na imagem acima para ler uma postagem sorteada especialmente para você.


Clique para ler: A pedra.            Poema de Antonio Pereira Apon.

Clique na imagem do escultor para ler: A pedra. Nosso poema que tem sido plagiado.




Fale conosco.


No Youtube, se ainda não se inscreveu, inscreva-se em nosso canal Apon na arte do viver., clique no sininho para escolher receber nossas notificações, ser avisado(a) dos vídeos novos. E não esqueça de dar seus likes. Conto com você! Obrigado.


Esse e muitos outros vídeos, você também encontra em nosso canal no Dailymotion.