Natal; luzes, Gente Anjo


Para além dos presépios, árvores, adornos... Que o artifício das luzes natalinas, inspire Anjos Gente, o luzir interior, alvorando; ainda que com Noel, não esqueçamos o protagonismo do Menino Jesus em cada coração, na intimidade do ser: Amor, fraternidade, empatia, solidariedade, paz...


Árvore de natal com presépio ao pé, iluminados por piscas-piscas coloridos, sob escada de madeira. #PraCegoVer #ParaTodosVerem

Natalinas luzes:
Luzem,
brilham e rebrilham,
encantam,
piscam e repiscam,
replicam-se nos adornos,
nas árvores,
no entorno.
Acendem,
ascendem nos natalinos presépios,,
nas noelinas presepadas.
Brilhos lá de fora,
lume que arvora,
sem as almas alvorar.
Carecemos dos lumes cá de dentro;
o luzir da esperança,
brilhar da confiança,
a fé a rebrilhar.
Piscar de fraternidade, bonança e solidariedade,
repiscar da verdade,
espiritualidade a Anjos replicar.
Não,
não os Anjos alados.
Mas cada Anjo calado;
no bem feitor anônimo,
o que acolhe o que abraça,
o que se dá de graça,
de si presenteia.
Não alardeia;
faz de Noel pseudônimo.
Anjo que é Gente,
Gente que é Anjo,
gente que é verdadeiramente Gente,
faz do natal o angélico lumiar.



Essa é a nossa participação na XIV Interação Fraterna de Natal, da nossa amiga Roselia Bezerra no blog Espiritual idade.


Antonio Pereira Apon

Autor do poema: A pedra. O distraído nela tropeçou... Procurando escrever em prosa e verso com a arte da vida.

27 Comentários

Obrigado por sua visita. Agora que terminou a leitura, que tal deixar seu comentário na caixa de comentários abaixo? Sua interação é muito importante. Obrigado.

  1. Gosto das luzes e festejos de natal. Cumprimentos poéticos

    ResponderExcluir
  2. Que linda participação,Antonio!
    E gostei da lembrança dos anjos calados...Não precisamos alardes para o bem fazer e ajuda dar!
    Maravilha! Parabéns! abraços, chica

    ResponderExcluir
  3. Bom dia de paz amigo Antônio!

    "Um homem só encontrou a mulher ideal quando olhar no seu rosto e ver um anjo..."

    Sabia que aqui viria uma reflexão poética bem delineada.
    "Que o artifício das luzes natalinas, inspire Anjos Gente"...
    Assim esperamos piamente, sem ser Gente não se forma Anjos cá na Terra que está cheia deles e nem percebemos, muitas vezes.
    Assim seria o paraíso cá neste planeta doido (onde, normalmente, cada um quer engolir o outro vivo):
    "O protagonismo do Menino Jesus em cada coração".
    Oxalá anjos de Deus lhe ouçam e façam da sua postagem uma profecia e retorne o Natal do Menino Deus com todo o tom sarado que a Data merece.
    Basta de 'noelinas presepadas'... elas nos cansam demasiadamente se forem só isso, sepulcros caiados.
    Sejamos o Noel sem nome... invisível nas ações, sobretudo aos nossos familiares próximos que podem precisar muito de nós e preferimos fazer 'caridade' aos estranhos...
    Que seu Natal seja um angélico lumiar!
    Exímia participação também encontrei aqui, amigo.
    Seja muito, mas muito feliz!
    Abraços fraternos com gratidão e estima




    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que a luz angélica inunde céu e Terra da claridade do Divino Amor; irmanando, unindo, replicando o bem para além das presepadas materialistas. Espiritualidade, saúde, amor e paz.

      Feliz natal e um ano renovador.

      Um abraço. Tudo de bom.
      APON NA ARTE DA VIDA 💗 Textos para sentir e pensar & Nossos Vídeos no Youtube.

      Excluir
  4. Que seu Natal seja de muita Luz, Paz e Harmonia, Antonio
    Excelente participação!
    Um grande abraço
    Verena.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que assim seja! Anjos do céu e da Terra, intercedendo por cada um de nós.

      Feliz natal e um ano renovador.

      Um abraço. Tudo de bom.
      APON NA ARTE DA VIDA 💗 Textos para sentir e pensar & Nossos Vídeos no Youtube.

      Excluir
  5. Olá, Antônio Apon
    A sua participação poética tem vivacidade e ritmo.
    Fala de Gente Anjo que abraça, afaga, consola,
    Um Anjo que está onde mais precisamos, no
    momento certo.
    Tudo de bom, lhe desejo.
    Abraço.
    Olinda

    ResponderExcluir
  6. Olá Antônio
    Muito bem colocada a participação dos anjos em nossas vidas.
    Anjos calados! Quem faz o bem não necessita fazer alarde
    Muito bela a sua inspiração poética
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O bem é discreto e silente, nem sempre evidente, se precisa adivinhar.

      Feliz natal e um ano renovador.

      Um abraço. Tudo de bom.
      APON NA ARTE DA VIDA 💗 Textos para sentir e pensar & Nossos Vídeos no Youtube.

      Excluir
  7. Prezado Antônio,
    que sejamos anjos do bem, ajudando onde for
    preciso.
    Feliz Natal!

    ResponderExcluir
  8. Olá Antônio . Uma bela participação . Anjos são assim mesmo . Não precisam fazer alarde do bem que praticam . Chegam no silêncio e nos cativam pela presença leve e iluminada . Juntos podemos voar . Abraços .

    ResponderExcluir
  9. Antônio, pulsei de emoção ao ler-te na frase! "Anjos na Terra não têm asas, só corações que voam!" Você é um poeta abençoado! Sua participação está digna de todo elogio e respeito. Parabéns! Um poderoso Natal de amor para você e sua família!

    ResponderExcluir
  10. Bom dia,
    Muito bela sua participação!
    Quantos anjos calados não existem, graças a Deus, por esse mundo fora!
    Eles existem para nos proteger na senda do bem, da paz e do amor.
    Beijinhos,
    Ailime

    ResponderExcluir
  11. Belíssima participação.
    Os verdadeiros anjos da terra, acompanham e ajudam sem nada esperar em troca, sem alardes.
    Se cada um de nós tentar ser anjo de alguém, talvez as luzes do Natal iluminem mais corações.
    Bom Natal e um Novo Ano pleno de tudo de bom
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  12. Um belo projeto da Rosélia, que aqui o Antônio com sua arte nos apresenta os anjos em suas variadas formas.
    Anjos que se prontificam na ajuda, anjos que num piscar nos livra dos perigos e das maldades.
    Gostei da formatação do vídeo.
    Que Natal nasça no coração e que seja feliz para vocês.
    Um abraço e Feliz Natal de familia.

    ResponderExcluir
Postagem Anterior Próxima Postagem

Pular para comentários.



Pular para comentários.


Clique na imagem acima para ler uma postagem sorteada especialmente para você.


Clique para ler: A pedra.            Poema de Antonio Pereira Apon.

Clique na imagem do escultor para ler: A pedra. Nosso poema que tem sido plagiado.




Fale conosco.


Assista nossos vídeos, inscreva-se no Apon na arte do viver.



Se ainda não se inscreveu, inscreva-se em nosso canal, clique no sininho para escolher receber nossas notificações, ser avisado(a) dos vídeos novos. E não esqueça de dar seus likes. Conto com você! Obrigado.