O Servidor e o Encosto


Ilustração oficial do blog - Uma rosa vermelha na diagonal, sobre um fractal do por do sol, com o nome Apon em relevo, na parte inferior da imagem. #PraCegoVer

A palavra Encosto é normalmente usada para designar um espírito obsessor que "não larga do pé" do sujeito. Mas, Encosto de verdade é o que encontramos no serviço público. O Servidor público é gente de bem, cumpridor de seus deveres e merecedor de homenagens. Já o Encosto... ...


Encontramos o Encosto geralmente encostado em algum lugar: Na mesa do colega que quer trabalhar e ele fica atrapalhando, na mesa do cafezinho, comprando lingerie, bijuteria, artigo de sex shop ou qualquer muamba. Também costuma ser visto encostado numa agência de jogo do bicho (fazendo uma "fezinha"), na portaria (tomando conta da vida alheia), fingindo "serviço externo", bajulando a chefia... ... ...


Enquanto o nome do Servidor é trabalho e sobrenome compromisso, o Encosto pode bem ser chamado de: Ponto Facultativo da Silva, Feriado dos Santos, Licença Prêmio de Oliveira, Má Vontade dos Anjos, Preguiça da Anunciação, Beltrano do Enforcamento ou algo que o valha.


Mas o Encosto alcança o topo na carreira de encostado, quando arruma um "à disposição" para se encostar de verdade ou arranja uma "boquinha" num sindicato e passa a sonhar com um encostinho muito bem remunerado na política.


28 de outubro é o dia do Servidor público. Não devemos esquecer de festejar e reconhecer esses valorosos trabalhadores.


E o Encosto?


Xô coisa ruim!!!



(Postado aqui em 26 DE OUTUBRO DE 2010).


Você também vai gostar de ler:

O servidor e o servido

Fantasma na repartição pública


Antonio Pereira Apon.

Siga-nos

Dê uma espiadinha em nossas postagens mais recentes:


Antonio Pereira Apon

Autor do poema: A pedra. O distraído nela tropeçou... Procurando escrever em prosa e verso com a arte da vida.

2 Comentários

Obrigado por sua visita. Agora que terminou a leitura, que tal deixar seu comentário na caixa de comentários abaixo? Sua interação é muito importante. Obrigado.

  1. Olá estimado Antônio,

    É de Outubro de 2010 esse texto, mas está atualíssimo, como se pode ver.
    O Brasil tem dia pra tudo. Desde que não seja feriado, tudo bem.
    Seu texto está tão inteligentemente escrito!
    Infelizmente, há sempre gente, que se encosta e progride à custa de outros ou à custa de coisa ilegal.

    Então quando me vai visitar à "prisão"?
    Amei seu comentário e me ri, imenso. Obrigada.

    Tenha um resto de bom domingo.
    Beijo da Luz, com estima.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, luz.

      “Nunca antes na História desse país”, esse texto esteve tão conectado com a realidade. Estão nos transformando numa “republica sindical”, um Estado aparelhado para servir a Deus sabe lá quem. Dia 28 de outubro, as repartições públicas não funcionam. Boa parte dos “encostos” estão no parlamento, lá eles (dizem que) trabalham quatro dias por semana, quando não tem “recesso branco”, obstruções, trancamento de pauta... ...

      Quanto ao comentário em seu blog. É que aqui no Brasil. Tortura é crime hediondo, é inafiançável. Você com seus “requintes de crueldade”... Rs rs rs....

      Um abração.

      Excluir
Postagem Anterior Próxima Postagem

Pular para comentários.


Clique na imagem acima para ler uma postagem sorteada especialmente para você.


Clique para ler: A pedra.            Poema de Antonio Pereira Apon.

Clique na imagem do escultor para ler: A pedra. Nosso poema que tem sido plagiado.




Fale conosco.


No Youtube, se ainda não se inscreveu, inscreva-se em nosso canal Apon na arte do viver., clique no sininho para escolher receber nossas notificações, ser avisado(a) dos vídeos novos. E não esqueça de dar seus likes. Conto com você! Obrigado.


Esse e muitos outros vídeos, você também encontra em nosso canal no Dailymotion.