Magica dos números. A verdade por trás do “milagre” - A arte da vida. Apon HP
Bom estar com você!


Dê um toque. Leia um escrito especialmente sorteado para você. Clique na figura abaixo.
Clique aqui, para ler um texto aleatoriamente selecionado pelo sistema.

Magica dos números. A verdade por trás do “milagre”

Publicado em quinta-feira, 27 de setembro de 2012



Como o governo “reduziu a pobreza” e “aumentou a classe média”? Se você ganha entre R$ 291 e R$ 1.019,00. Está entre os 53% dos afortunados da classe média brasileira. Tá podendo hein?!


Dinheiro espalhado.


Índices divulgados por governantes, candidatos e políticos em geral, sempre despertam desconfiança. Mas, normalmente, não buscamos ver a “real realidade” por trás dos números. Temos sido insistentemente informados da ascensão da classe C, dos supostos 53% da população brasileira compondo a classe média. Só hoje eu entendi essa “mágica”. Quem ganha entre R$ 291 e R$ 1.019,00. Está convenientemente enquadrado entre os novos afortunados da economia nacional. Parece piada? Então ria (ou chore) mais:


“A nova classe média foi dividida entre a “baixa classe média”, com renda per capita entre R$ 291 a R$ 441, “classe média”, com ganho entre R$ 441 a R$ 641, e “classe média alta”, com rendimento entre R$ R$ 641 a R$ 1.019...” “Além da três subdivisões de classe média, mais cinco foram feitas para enquadrar as diferenças de renda no país. A faixa “extremamente pobre”, com renda de até R$ 81, a “pobre mas não extremamente pobre”, com renda entre R$ 162 e R$ 291, a “vulnerável”, com renda entre R$ 291 e R$ 441, a “baixa classe alta”, com renda entre R$ 1.019 e R$ 2.480 e a “alta classe alta”, com renda acima de R$ 2.480. Os valores que compreendem essas denominações foram corrigidos de 2009 até abril deste ano...” Fonte: http://www.sae.gov.br/site/?p=12060.


Assim é fácil apresentar bons indicadores econômicos e “reduzir a pobreza”.


Gostou desse texto?
Então vai gostar do nosso livro: Um dedo de prosa e poesia. A arte da vida.
Clique abaixo na capa para saber mais e adquirir seu exemplar.


São 125 páginas com 89 títulos em verso e prosa de Literatura Nacional, num livro prefaciado pelo professor, escritor, poeta e trovador Orlando Carvalho. Crônicas, mensagens, poesias... amor, humor, reflexão, arte, cotidiano, atualidades, auto-ajuda, espiritualidade...
Compre aqui!



Foto do autor: Antonio Pereira (Apon).


Nosso conteúdo é de direito reservado. Sua reprodução pode ser permitida, desde que
seja dado crédito ao autor original: Antonio Pereira (Apon). E inclua o link para o site: WWW.aponarte.com.br
É expressamente proibido o uso comercial e qualquer alteração, sem nossa prévia autorização.
Plágio é crime previsto no artigo 184 do Código Penal.
- Lei n° 9.610-98 sobre os Direitos Autorais
.



Fale conosco.

4 comentários:

  1. Amigo poeta querido Antonio!Isso só pode ser piada mesmo! Assim é mesmo possível "reduzir" a pobreza, matando-a de fome né!!!
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Piada de mal gosto. uma brincadeira sem a menor graça. Quanto despudor com o cidadão.

      Um abração.

      Excluir
  2. Respostas
    1. E o pior é que o povo parece gostar de ser enganado.

      Um abração e bom fim de semana.

      Excluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.





Rosa da amizade/Afeto enviada pela CÉU.


Rosa da amizade/Afeto enviada pela CÉU.


Troféu rosa da amizade/Afeto.


Rosa da amizade/Afeto do Poetizando e encantando da Professora Lourdes..



Follow
View My Stats

DMCA.com Protection Status


@INSTAGRAM