Caderno da vida - A arte da vida. Apon HP

Bom estar com você aqui no A ARTE DA VIDA. APON HP!


Dê um toque. Leia um escrito especialmente sorteado para você. Clique na figura abaixo.
Clique aqui, para ler um texto aleatoriamente selecionado pelo sistema.

Caderno da vida

Publicado em quinta-feira, 29 de agosto de 2019



... Feito de um material peculiar, o caderno da vida, não permite que se arranque qualquer de suas folhas, nem mesmo se apague, oculte com corretivo ou qualquer artifício, absolutamente nada que nele seja escrito. Pode-se corrigir ou até reescrever mais adiante. Porém; “desescrever”, jamais! ...




#PraCegoVer: Paisagem com pessoas lendo deitadas, flutuando em blocos de nuvens. Viajando...

No blog Filosofando na vida, a professora Lourdes nos convida a escrever uma frase, verso, poesia, pensamento, mensagem… Sobre uma imagem postada a cada fim de semana. Acima, a imagem sugerida. Abaixo, a minha 95ª participação nessa blogagem coletiva, intitulada: Poetizando e encantando.


Selo de participação no Poetizando e encantando.

Essa minha segunda participação foi publicada aqui no dia 11, mas, casou tão bem com essa imagem...

Muito já se falou do livro da vida, mas, na verdade, ao nascer, ganhamos é um grande caderno, onde vamos escrever à mão o original do nosso viver. E, ainda que seja uma obra eminentemente individual, tal escrita é feita por tantas mãos! É tão interativa! …

Feito de um material peculiar, o caderno da vida, não permite que se arranque qualquer de suas folhas, nem mesmo se apague, oculte com corretivo ou qualquer artifício, absolutamente nada que nele seja escrito. Pode-se corrigir ou até reescrever mais adiante. Porém; “desescrever”, jamais!

Assim, de posse do nosso precioso caderninho e com as canetas do tempo, passamos a escrever, desenhar, assumir a autoria do nosso destino. No princípio, gastamos folhas e mais folhas com nossas garatujas infantis. Os arroubos juvenis vão ocupando outras tantas… Mas, comumente, pouco a pouco, a escrita do viver vai amadurecendo; com a interação com a própria vida, as situações e pessoas, a compreensão das vivências, as tantas notas e lembretes adicionados pelo aprendizado… É quando a equação do eu interior com o eu exterior, passa a produzir fórmulas até então inimagináveis para solucionar muitas incógnitas do existir. Ou não! Há quem se dê a maltratar o seu caderno, usando e abusando dele como um reles bloco de rascunho, um mulambo levado daqui para ali de forma descuidada, terminando seu uso como uma amarfanhada caricatura de vida.

Ao fim do curso de uma estada terrena, aí sim! Nossa escrita se torna um livro. Alguns não produzem nada além de uma incipiente brochura, assemelhada a uma revista ou mesmo um simples folheto; outros produzem livros mais finos ou mais volumosos, conforme o que de útil e bom escreveram. Poucos, muito poucos, produzem verdadeiras enciclopédias, bibliotecas vivenciais, páginas que transcendem iluminando sentimentos e pensamentos de gerações. Pouquíssimos chegam a usar todo o seu caderno, a ponto de precisarem receber cadernos adicionais pelo tanto que produzem.

E você? O que anda produzindo? Como está o seu caderno? Está cuidando bem da sua escrita? Como ficará o livro dessa sua vida?



Nossas participações no "Poetizando e encantando":

Para exibir/ocultar Clique para exibir/ocultar nossos posts no poetizando e encantando.

24 comentários:

  1. Sempre uma leitura aprendizagem muito agradável!


    Prometi, que te esperava até ao alvorecer [Poetizando e Encantando]
    Beijos e uma excelente semana
    Continuo por aqui e por ali! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em prosa, desenho ou verso, vamos grafando nosso destino no caderno da vida.

      Te convido: 😎 Leia uma postagem sorteada para você.
      Um abraço. Tudo de bom.

      Excluir
  2. Realmente usaste muito bem a imagen e tua inspiração é nota 10 com esse caderno! abraços,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Precisamos cuidar bem e bem escrever no caderno da vida, para que dê um bom livro.

      Te convido para ler: 😎 Eu sou, sou assim. E você?
      Um abraço. Tudo de bom.

      Excluir
  3. Uma maneira original de fazer a leitura da passagem...
    Tanta coisa mal feita que se vai tentando corrigir!!
    Ótima reflexão, amigo António.
    Abraço
    ~~~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode-se reescrever aqui ou ali, dar uma ajeitada... Mas, apagar o mal feito, não dá. Pensemos nisso.

      Te convido: 😎 Leia uma postagem sorteada para você.
      Um abraço. Tudo de bom.

      Excluir
  4. Amigo Antônio, que linda poesia! duas imagens com participações belas e sábias. A leitura abre janelas e nos faz viajar. quando encontrei essa imagem, achei perfeita, então adicionei mais uma, a sétima. Parabéns! Muito obrigada pelas participações que só engrandecem essa BC. Seja sempre bem vindo! Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito sugestiva a imagem ressaltando a leitura, consumação da arte escrita, a poesia ou prosa que transborda das frases e parágrafos, embebendo mentes e corações com conhecimento e cultura, enriquecendo a alma.

      Te convido para ler: 😎 Eu sou, sou assim. E você?
      Um abraço. Tudo de bom.

      Excluir
  5. Boa tarde amiga!
    Mais uma bela participação dessas que apreciamos e da vontade de voltarmos mais vezes de tão bela.Só para quem é amante a leitura e grande poeta como você, escreve sobre a leitura tão lindamente. Amei!

    Parabéns! Tenha um fim de semana de muita paz, com saúde e chuvas de bênçãos. Abraços 🥀💝
    🥀💝🥀

    ResponderExcluir
  6. Mais uma poesia linda ! parabéns pela segunda participação. Uma poesia que merece aplausos. Parabéns amigo! Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seguimos nesse exercício semanal de poetizar e tentar encantar.

      Te convido para ler: 😎 Eu sou, sou assim. E você?
      Um abraço. Tudo de bom.

      Excluir
  7. Amigo, mais uma sábia participação. Nos deixa aqui uma forte lição, és de fato um grande pensador! Parabéns! mais uma majestosa participação. Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A vida é uma escrita que precisa de esmero e cuidado, o escrito não volta atrás, pode ser escrito ou melhor reescrito mais adiante. Mas...

      Os elogios, ficam por conta de sua delicadeza e generosidade.

      Te convido para ler: 😎 Eu sou, sou assim. E você?
      Um abraço. Tudo de bom.

      Excluir
  8. Como não é permitido rascunhar para depois passarmos a limpo é melhor que seja uma escrita pautada na ética e no bem para que não nos arrependamos de certas páginas da vida
    Uma leitura instigante e produzida com propriedade por um grande escritor. Parabéns
    Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A vida é uma obra ao vivo, escrita em tempo real, correções podem ser feitas mais adiante, mas, o que foi escrito, está escrito e pronto. Pensemos nisso, atentemos para a grafia desses nossos dias.

      Te convido para ler: 😎 Eu sou, sou assim. E você?
      Um abraço. Tudo de bom.

      Excluir
  9. Boa noite de Amor e paz, amigo Antonio!
    Gostei da metófora aqui usada comparada ao Amor que é como um caderno onde escrevemos só belezas pois a essência do nosso ser, nada pode apagar depois.
    Sublime é o Amor e não merece ser sujo ou riscado.
    Seja muito feliz e abençoado!
    Abraços faternos de paz e bem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fazer o melhor da nossa escrita, fazer da vida uma grande poesia, o viver.

      Te convido para ler: 😎 Eu sou, sou assim. E você?
      Um abraço. Tudo de bom.

      Excluir
  10. Boa tarde, Antônio
    Belíssima participação que nos leva a refletir.
    Aplausos!
    Gostei muito de ler.
    Um grande abraço de
    Verena.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sigamos escrevendo o melhor possível nesse bendito caderninho, que é a vida de cada um de nós.

      Te convido para ler: 😎 Buchicho na carpintaria. Na vida, também é assim.
      Um abraço. Tudo de bom.

      Excluir
  11. Um belo casamento amigo.
    A imagem é muito interessante e suas reflexões vem de uma sabedoria e experiencia pela vida,
    que se torna escola.Saber escrever no livro da vida não é nada fácil, pois é o espelho e se a imagem
    se deforma, torna-se dolorosa a escrita e a vontade de apagar, rasgar vem, mas aí já vem outra historia,
    novos momentos. Cumpre-se viver em conformidade e dignidade para que no final se tenha um projeto, que se torna nosso livro.
    Muito boa sua ideia de postar este pensamento neste projeto de poetizar e encantar na blogosfera.
    Aplausos amigo e vamos cuidar de nossos apontamentos diários.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Responsabilidade e compromisso; com nós mesmos, com os outros e com a vida. Eis o que deve nortear a nossa escrita, aquilo que gravamos de forma indelével no caderno de uma existência. Cada dia e cada vez mais, precisamos melhorar, aperfeiçoarmos nossa biografia, para que dê um livro digno de ser lido.

      Te convido para ler: 😎 Buchicho na carpintaria. Na vida, também é assim.
      Um abraço. Tudo de bom.

      Excluir
  12. Antonio!
    VErdades bem escritas, nada como um bom livro para aprendermos e nos inspirarmos.
    cheirinhos
    Rudy
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!
    https://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com/2019/09/divulgacao-cultural-57-95-poetizando-e.html

    ResponderExcluir
  13. Olá! Boa noite!

    Chegando com mais um convite para o Poetizando e encantando que acabei de publicar.
    As imagens estão belas e desafiadoras, espero que goste.
    A vida já é um desafio e poetizando fica mais a mana.
    A poesia é a canção da alma!
    Tenha uma noite de paz e que se estenda durante todo final de semana. Bjuss

    ResponderExcluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.




Rosa da amizade/Afeto enviada pela CÉU.


Rosa da amizade/Afeto enviada pela CÉU.


Troféu rosa da amizade/Afeto.


Rosa da amizade/Afeto do Poetizando e encantando da Professora Lourdes..




Follow
View My Stats

DMCA.com Protection Status


@INSTAGRAM