Vida, sonho. Garrafa ao mar - A arte da vida. Apon HP



Obrigado por sua visita. Boa leitura!




Para exibir/ocultar os posts mais recentes e mais opções do Site Clique aqui.

sexta-feira, 2 de novembro de 2018

 

                    Vida, sonho. Garrafa ao mar              

     

... Vacante miniatura, errante manufatura, indigente réplica, tempo sem tréplica. Mensagem, recado; incógnita, pedido perdido, um achado...


Antonio Pereira Apon.


Uma garrafa perdida na areia da praia com uma paisagem marítima  com um navio dentro dela.


Mar de um mar,

barco a abarcar mistérios

garrafa, nau lançada ao léu,

sobre a areia, sob o céu.

Vacante miniatura, errante manufatura,

indigente réplica,

tempo sem tréplica.

Mensagem, recado;

incógnita,

pedido perdido, um achado.

De quem?

Para que?

Para quem?

Engarrafado silêncio,

embarcados porquês;

náufrago indecifrado,

afogada imaginação…

A vida, sonho a navegar.




Nossas participações no "Poetizando e encantando":

Para exibir/ocultar Clique para exibir/ocultar nossos posts no poetizando e encantando.

   
 
 

42 comentários:

  1. Está belo e bem ritmado, um poema bem ao seu estilo... nem precisa de assinatura...
    Poetizou e encantou, Amigo António.
    Ótimo fim de semana.
    Agradeço a interação no 'A Vivenciar'.
    Abraço afetuoso.
    ~~~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos no ritmo, na cadência das ondas do mar, sempre poetizando e tentando encantar.

      Um abraço. Tudo de bom.
      😔 Duelo das palavras.

      Excluir
  2. Adorei o poema e cadência dele. Instigante sempre uma garrada assim com recado encontrar! Linda participação! abraços, chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A vida manda seus recados das mais diversas maneiras, aprender a decifrá-los é a grande descoberta.

      Um abraço. Tudo de bom.
      😔 Duelo das palavras.

      Excluir
  3. Boa tarde, Apon. A sua poesia é fascinante. Parabéns pela imagem escolhia. Adorei. :))

    Hoje:- "Sofrendo de saudade". {Poetizando e Encantando}

    Bjos
    Votos de um óptimo Sábado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fascinantes os recados da vida, da inspiração, versados em nossas tentativas de poetizar e encantar.

      Um abraço. Tudo de bom.
      😔 Duelo das palavras.

      Excluir
  4. Bo Tarde, amigo Antonio!
    Sua garrafa foi lançada ao leu... eu a lancei com direção.
    Embora com sentido figurado, nos passa uma bela mensagem no engarrafado silêncio e no embargado porquê.
    Tenha dias felizes e abençoados!
    Abraços fraternos de paz e bem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Importa lançarmos mensagens positivas, para quem, para onde for. Comunicar o bem, a paz, o amor...

      Um abraço. Tudo de bom.
      😔 Duelo das palavras.

      Excluir
  5. Querida amigo Antônio! Que bela construção poética e uma sábia comparação ao que tantos já fizeram. Quantos mistérios vagaram e ainda vagam no mar a fora engarrafados.
    Sua poesia está encantadora, só tenho que lhe agradecer por mais uma vez participar desta BC com tanto carinho. Desculpe a demora para adicionar seu link e vir aqui, o importante é que cheguei e estou amando seu poetar. Abraços, feliz fim de semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que vague por aí no grande mar da internet, esse poetizar e encantar, reunindo amigos nessa arte dos versos.

      Não há do que se desculpar.

      Um abraço. Tudo de bom.
      😔 Duelo das palavras.

      Excluir
  6. Amigo Antônio, tens razão, quantos segredos em silêncio vagueiam nestes mares de meu Deus! Linda inspiração. Parabéns! Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E nos mares da internet, vagam versos a poetizar, encantar, inspirar...

      Um abraço. Tudo de bom.
      😔 Duelo das palavras.

      Excluir
  7. Oi, Tonico!

    Ah, me mandaste um recado numa garrafa, ah, ah, ah-rs!
    Felizmente que um pescador a encontrou e veio até terra me a levar, me perguntando meu nome. E eu disse que me chamava Céu e ele disse k a mensagem vinha de um Tonico. Ora, só poderias ter sido tu -rs.

    Muito romântica a ideia desse poema, de que gostei mto, mas do vídeo, nossa, Tonico, só mar e mar e as ondas indo e vindo. Que aflição. A canção é portuguesa e sua primeira intérprete foi Dulce Pontes, k tem um vozeirão.

    A VIDA, UM SONHO QUE QUERES TORNAR REALIDADE NESSE MAR DE AMAR!

    Bisous, mon chèri!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O mar, tão poético e inspirador com o ir e vir cadenciado das ondas, convidando a vida a navegar, enviar, trazer mensagens como em sua garrafa da imaginação. Pena que você não goste do mar, isso é trauma de vidas passadas. Rs rs rs...

      https://www.youtube.com/watch?v=3zd0MJrSQxQ

      Aqui o pescador que achou a garrafa...

      https://www.youtube.com/watch?v=zjBXTL8PXM4

      Inté!

      Excluir
    2. O mar sempre inspirou poetas, apaixonados, etc. mas a mim me enxuta-rs.
      Gostei mais do 1º vídeo de Dorival do k do 2º. Ambos falam do mar e dos pescadores, que vão buscar peixe grande, de referência, para trazer pra suas famílias. Quem é Chiquinha?

      Ah, que simpático é o pescador, que me encontrou a garrafa e me deu a mensagem! Um bonito gesto!

      Bye bye!

      Excluir
    3. Não sei se real ou personagem, filha ou mulher do pescador. Chiquinha de Chica diminutivo de Francisca. O mar é um dos temas mais abordados pelo compositor...

      https://www.youtube.com/watch?v=SvomOzETxWo

      Itapuã é uma praia de Salvador.

      Bye.

      Excluir
    4. Uma balada triste, mas agradável.

      Esse tb tinha uma morena -rs e pra ela queria trazer presentes.

      À tout à l' heure (até logo)!

      Excluir
  8. Respostas
    1. Eu não conhecia. Em português ou francês, ela é demais. Só podia ser baiana. Rs rs rs... Muuuuuito bom!

      Excluir
    2. Você não conhece, não se "debruça" sobre música francesa, e depois é no k dá -rs.

      Ela e o irmão têm mto talento musical, sim. Acho engraçado k a maioria das brasileiras usam o cabelo bem compridão como ela e algumas não pintam os fios brancos. Eu sei k homem adora cabelo longo, deve ser por isso k elas usam.

      Ah, seu convencido! Quer dizer k na Bahia é tudo e todos bons? Que bahaianismo exacerbado-rs!

      Ouço falar dos nordestinos, mas, nada de elogioso. Que tipo de gente é? São como os outros brasileiros, com virtudes e defeitos, né?

      Excluir
    3. Eu agora nem preciso procurar, tenho uma amiga que agora posta músicas em francês aqui nos comentários... Você já viu? Coisa de primeira qualidade.

      Como todo o mundo já sabe e tanto inveja: "baiano não nasce, estreia". Rs rs rs...

      O nordestino, no geral é um povo sofrido, maltratado pela seca e sobremaneira, massacrado pelo preconceito e a discriminação. Sim, gente como toda a gente.

      Inté!

      Excluir
    4. Não, não dei por nadica ainda. Eu sou to distraída. Sabe -rs?

      Estive escutando Bethania, mais uma vez, e como vale a pena.

      Não entendi a frase sobre os baianos.

      Sim, entendi. Merci!

      Excluir
    5. Sobre os baianos: A Bahia tem muitos e inegáveis talentos, além disso e por causa disso, todo baiano se acha artista. Daí dizer-se que, baiano não nasce, estreia.

      Na verdade, aqui tem é muito "artista" e tão pouca arte...

      Inté!

      Excluir
  9. O fim em perfeita e linda definição.
    Os mistérios do mar que tanto cantam os marujos e poetas.
    Desvendar cada segredo perder da vida o medo e deixar-se levar pelas ondas deste mar que tanto inspira no amar.
    Belo trabalho da poesia de artífice.
    Bom domingo para uma semana maravilhosa amigo.
    Meu abraço de paz e luz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mar que está no amar, amar que cabe no mar e nós, artesãos dos versos, vamos moldando em palavras essa nossa arte de poetizar e tentar encantar.

      Um abraço. Tudo de bom.
      😔 Duelo das palavras.

      Excluir
  10. Olá Antônio
    O mistério continua... segredos não foram revelados e a garrafa à deriva bailando em um belíssimo versejar
    Um abraço e uma excelente nova semana

    Desculpe! Excluí o comentário anterior para correção

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mistérios, segredos, bailares, mares, amares, versares a poetizar e tentar encantar.
      Ok! Sem problema.

      Um abraço. Tudo de bom.
      😔 Duelo das palavras.

      Excluir
  11. Muito bom.
    Já te sigo viu? Amei conhecer seu blog.

    juliamodelodemodelo.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já seguindo de volta, sempre bom encontrar conterrâneos soteropolitanos na blogosfera.

      Um abraço. Tudo de bom.
      😔 Duelo das palavras.

      Excluir
  12. Bom dia!
    Apreciando as imagens e as lindas participações, me inspirei e junto com o aluno Guilherme, participamos.
    Parabéns pela majestosa participação, uma linda poesia. Amigo, quantos sonhos ocultos viajam mar a dentro e esta garrafa simbolicamente representada em sua poesia.

    Abraços com desejos de uma semana de muita paz e felicidade.

    https://bibliotecamadre.blogspot.com/2018/11/59-edicao-do-poetizando-e-encantando.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na garrafa da imaginação, cabe a inspiração e toda poesia.

      Um abraço. Tudo de bom.
      😔 Mata quem desmata.

      Excluir
  13. Tonico, ATENÇÃO!

    Teu comentário À Elza ficou em duplicado. É melhor retirar um.

    Inté!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei como isso. Tenho certeza que não comentei em duplicata. Só falta agora o Blogger duplicar respostas. Rs rs rs...

      Brigadoooooooooo!

      Excluir
  14. O teu estilo poético me conquista e fico a imaginar o quão instigante e bem construído é o seu versejar. E eu naveguei no teu poema tentando decifrar o enigma tão misterioso
    Beijokinhas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado. Eu tento fazer uma poesia que vá além do lugar comum, do óbvio, versar em essência.

      Um abraço. Tudo de bom.
      😔 Mata quem desmata.

      Excluir
  15. Antonio!
    Como sempre senhor das palavras rimadas e versos ricos em termos não corriqueiros, sempre a me ensinar. GRATIDÃO!
    Desejo uma ótima semana!
    “Para cada minuto que você se aborrece você perde sessenta segundos de felicidade.” (Ralph Waldo Emerson)
    cheirinhos
    Rudy
    https://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com/2018/11/divulgacao-cultural-141-59-poetizando-e.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gratidão à inspiração ao educandário da vida que nos ensina a todos e nos permite versar suas tantas lições.

      Um abraço. Tudo de bom.
      😔 Mata quem desmata.

      Excluir

  16. Boa noite!
    Mais uma vez, motivada pelo amor a poesia e o carinho e atenção que tenho recebido ao longo das edições do Poetizando e Encantando, venho com mais um convite para sua participação nesta BC
    Ficarei grata com mais uma participação sua que tanto tem valorizado esta interação poética.
    Acabei de postar a edição 60ª. Haja desafio!
    Abraços, com desejos de um fim de semana feliz e com muita paz.

    ResponderExcluir

Obrigado por sua visita. Aqui você pode deixar seu comentário. Esse espaço é feito para você. Volte sempre!

Antonio Pereira Apon.

Fale conosco:






Nosso conteúdo é de direito reservado. Sua reprodução pode ser permitida, desde que seja dado crédito ao autor original: Antonio Pereira Apon. E inclua o link para o site: WWW.aponarte.com.br
É expressamente proibido o uso comercial e qualquer alteração, sem nossa prévia autorização.
Plágio é crime previsto no artigo 184 do Código Penal.
- Lei n° 9.610-98 sobre os Direitos Autorais
.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported License.

Fale conosco.



Clique na imagem para ler um texto sorteado pelo sistema:
Textos para todos os dias. Curta a arte da vida!




Fique mais um pouquinho. Leia também...



Livros e vídeos:


Capa da segunda edição de : Essência.

>

Esse livro propõe uma incursão na alma humana, garimpando sentimentos e emoções, revelando-os em versos que retratam o homem moderno em sua incansável procura de si mesmo; seu contexto social, político e cultural em um mundo em transição.


Depois de 14 anos, atendendo a pedidos, estamos republicando Essência. Nessa segunda edição, incluímos o subtítulo: O livro do poema: A pedra. O distraído nela tropeçou... Numa referência ao nosso poema integrante dessa publicação, que, absurdamente, tem aparecido na internet com o nome de autores famosos: Fernando Pessoa, Renato Russo, Chaplin... Ou plagiadores. No endereço: (http://aponarte.com.br/apedra), o amigo leitor encontra todos os esclarecimentos, inclusive algumas das formas de como o plágio tem se apresentado.

Capa da segunda edição da : Coleção
                            Graziela.

>

Aqui, pais e professores encontram uma forma prazerosa e divertida, de abordar temas como: Cidadania, comportamento, respeito ao outro e à natureza... Em sete contos, compondo um jogo de arte e educação, onde lúdica e naturalmente aos pequeninos são apresentados conceitos de: Ecologia, solidariedade, diversidade, coletividade, tempo, responsabilidade, motivação, interatividade, participação...


Textos que parecem se renovar a cada dia, conservando impressionante atualidade e sintonia. Espero que gostem.

Capa de Um dedo de prosa e poesia. A arte da
                vida.

São 125 páginas com 89 títulos em verso e prosa de Literatura Nacional, num livro prefaciado pelo professor, escritor, poeta e trovador Orlando Carvalho. Crônicas, mensagens, poesias... amor, humor, reflexão, arte, cotidiano, atualidades, auto-ajuda, espiritualidade...